quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

Esta quinta-feira: reunião aberta sobre a construção do centro comercial nas Portas de Avis


Vai-se realizar esta quinta-feira à tarde, a partir das 19H, uma reunião aberta no "Bar Oficina" a todos os que queiram participar, convocada por um grupos de cidadãos que estão contra a decisão de construção de um Centro Comercial junto às portas de Avis, em Évora. 
Os terrenos da Câmara situados nesse local, e que possibilitarão a construção do centro comercial, estão a ser objecto de um processo de venda, conforme foi decidido em reunião de Câmara e na Assembleia Municipal do Alentejo. 
Recusando estar frente a um facto consumado, os organizadores desta reunião julgam que ainda é possível inverter o processo, dado que existem outros locais possíveis de construção de um Centro Comercial e não numa zona que devia ser de protecção especial, junto às muralhas e ao lado do Centro Histórico, classificado como Património da Humanidade.

27 comentários:

  1. Ainda esta teleovela dura? Mas será que vamos ficar no séc. XX para sempre? É impressionante como uma cidade mais pequena que muitas vilas, tem mais gente maluca que algumas das maiores cidades...
    Vendam o terreno de uma vez por todas, deixem construir o maldito centro comercial, ou o forum, ou lá o que seja, para ver se os carneirinhos todos para lá marcham com os seus magros salários, em vez de os irem gastar ao Montijo, ou a Espanha...
    Afinal, quem são os velhos do restelo que querem impedir essa porcaria?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Calma eu sou CDU de antes de Novembro de 2013 e estou contra este negócio. Não percebo porque os CDU da Câmara estão a favor do negócio!

      Eliminar
  2. A Esquerda aprova o aborto.
    A Esquerda acha que 2 homens podem fazer um casal.
    A Esquerda acha que 2 homens podem adotar um menino.
    A Esquerda aprova a eutanásia.

    A Esquerda não cria!
    A Esquerda mata que se farta!

    ResponderEliminar
  3. A esquerda não mata, a esquerda é realista.
    Abortos sempre se fizeram, só que clandestinos, sem segurança eà custa de muito dinheiro a parteiras manhosas;
    Homossexuais sempre os houve, basta saber um pouco de história;
    Mais vale dois homens ou duas mulheres adoptarem uma criança do que esta ficar nas escolas de criminalidade que são certas instituições;
    A eutanásia é um direito que assiste a qualquer ser humano querer viver com dignidade e não numa cama inutilizado, cheio de dores e sem qualquer possibilidade de de sobreviver, apenas servindo para certas pessoas praticarem a caridadezinha ou então encher os bolsos de certas instituições privadas.
    Aliás esta questão de eutanásia tem muita piada, pois há um conjunto de pessoas que se calhar aprovam a pena de morte, mas são contra a eutanásia, aprovam as guerras, os bombardeamentos da Síria, Iraque, etc, mas são contra a eutanásia.
    Mais, em minha fraca opinião esta questão, é mais um daqueles temas fracturantes (gosta desta), em que não é uma questão de esquerda ou de direita, mas de bom senso e de dignidade humana.
    Mas infelizmente há um conjunto de bacocos, que quando alguém pensa de forma diferente da sua ou da sua ideologia, tem de ser de esquerda.
    Du Agris

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Nem mereces resposta, pela fraca opinião que manifestas, funcionário público de esquerda.
      Queres é massa certa ao fim do mês, trabalho nicles e mandar umas fracas opiniões.
      Gente assim não interessa.

      Eliminar
  4. Façam lá a reunião e depois não se esqueçam de informar:
    1.º Quais as deliberações/conclusões da mesma;
    2.º Quantas pessoas estavam presentes, para além dos organizadores;
    3.º Quantas dessas pessoas NÃO eram do BE.
    Du Agris

    ResponderEliminar
  5. Se por lá aparecer a Prof.Aurora não se esqueçam de debater ao crimes cometidos nos últimos anos dentro do Centro Histórico: condomínio no parque garcia de resende
    condomínio construído junto ao antigo magistério,construção de hotel na rua do Raimundo,,bloco de Apartamentos as portas de Avis(fora das muralhas,obra parada).

    ResponderEliminar
  6. Aprovação do PDM na gestão PS,silêncio das várias auroras cá da terra.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se o negócio do Centro fosse feito pela Gestão PS seria um atentado ao Património. Ora este negócio feito pela gestão CDU não é um negócio é um benefício para os eborenses especialmente os operários e os trabalhadores.

      Eliminar
    2. 14:19
      O negócio do Centro só não foi concretizado pela gestão PS porque nenhuma das empresas convidadas aceitou comprar os terrenos em causa.

      Mas não deixa de ser certo que a mesmíssima gestão PS gastou cerca de 1 milhão de euros em projectos para construir um CC (adjudicados a empresa do arq.º Manuel Salgado). Projectos que, diga-se, foram para o caixote de lixo.

      Mas aquilo sim, era gestão de excelência....

      Eliminar
  7. A muralha está a cair aos bocados (junto da escola de enfermagem),estão á espera de tragédia para intervir?

    ResponderEliminar
  8. Sr.Governador do Banco de Portugal,Demita-se!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Enganou-se no endereço. O Sr.Governador do Banco de Portugal não lê este blog!

      Eliminar
  9. As obras no museu dos coches (fundação) foi um CRIME,onde andavam os defensores do Património ?

    Tem medo da Fundação ?

    ResponderEliminar
  10. A atenção da Gesamb.

    a falta de Civismo de muitos cidadãos faz com que se acumulem junto aos ecopontos vários objetos(caixas,latas,cadeiras,moveis),criando assim várias mini lixeiras em vários pontos da cidade.

    Urge uma campanha em parceria com a CME para pôr cobro a esta situação.

    ResponderEliminar
  11. Atenção da CME

    várias faixas de rodagem estão esburacadas,o que constitui um Perigo para quem circula por elas.

    ResponderEliminar
  12. Na reunião tenham a Coragem de Denunciar o escândalo dos terrenos do Lusitano com os privados,Meganegócio que arruinou um clube da cidade e até hoje não houve uma única entidade capaz de investigar.

    ResponderEliminar
  13. 14:19,foi o PS na revisão do PDM que permitiu esta aberração ,ser possível uma área comercial a porta de avis.

    ResponderEliminar
  14. A gestão PS já tinha começado o processo da construção de um centro comercial as portas de avis ,a atitude de alguns neste momento é de pura hipocrisia ,durante a gestão PS estiveram calados,pudera alguns estavam colocados em lugares nomeados pelo PS.

    ResponderEliminar
  15. Isso continuem a bater ceguinho e a permitir que o dinheiro dos eborenses ( para os que podem) seja gasto em Badajoz e no Montijo. Mas que mal tem fazer um centro comercial num terreno baldio, fora do centro histórico numa entrada da cidade que é perfeitamente secundária, perto de uma zona que está morta em termos comerciais e já com construções de habitação do outro lado da estrada ? Qual é o crime ? Deita-se abaixo muralha ou aqueduto ? Construam o centro para ver se ganhamos algum dinamismo, se criam algum emprego . Évora está a morrer, percebem seus velhos do Restelo? Os jovens fogem de cá porque isto está como na década de cinquenta, não interessa a ninguém. Acordem para a vida antes que só cá fiquem os velhos que andam para aí a decidir sobre o que é bom para os jovens.

    ResponderEliminar
  16. Eu gosto é do gajo que gosta de parcerias com a Câmara do Pinto. Faz belos comentários. Profundos.

    ResponderEliminar
  17. Amarraram ideologicamente o Alentejo há 40 e tal anos....


    MAMEM COM ELES AGORA!

    ResponderEliminar
  18. 20:52,essa cassete salazarista está gasta.

    ResponderEliminar
  19. Eu se mandasse nisto construía um centro comercial em todas as Cidades e Vilas que isso sim era progresso.
    Não brinquem com coisas sérias que o dinheiro para fazer estas obras são financiamentos dos bancos e depois se acontecer alguma coisa não se esquecem que terão que ter a responsabilidade por tudo.

    ResponderEliminar
  20. Não consigo publicar nenhum comentário porque será?
    Há deve ser por aquilo se posso escrever e que não convêm mas depois dizem-se democratas.

    ResponderEliminar
  21. A RTP1 está em campanha a promover o medo e a guerra em Portugal.

    Agora apresentaram um canalha judeu (da Mossad ?) a promover a formação de milícias civis e câmaras de vigilância alegadamente para proteger contra o terrorismo.
    Qual terrorismo?
    O terrorismo do capital, que arruinou Portugal?
    O terrorismo do capital, que está a destruir o Norte de África e o Médio Oriente?

    (na Síria, são os russos que apoiam o governo na luta contra os terroristas e que lhes estão a cortar as estradas de abastecimento a partir da Turquia; na Síria, os judeus, a UE, a NATO, os EUA, não querem ajudar, porque são eles que financiam e abastecem os terroristas com armas).

    ResponderEliminar
  22. Afinal a reunião já se realizou e até agora ainda não divulgaram nadinha de nada. Porque será, ora, porque não tiverem participantes que justificassem a mesma e ficaram para ali umas tantas à conversa uns com os outros, sem nada que fazer ou discutir e, se calhar, a fumar um charro.
    Du Agris

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.