segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Notas sobre as presidenciais

Resultados a nível Nacional

Resultados distrito Portalegre

Resultados distrito Beja

Resultados distrito Évora

Resultados concelho Évora

Resultados freguesia Malagueira-Horta das Figueira

Resultados freguesia Bacelo-Senhora da Saúde

Resultados freguesia Centro Histórico

Resultados freguesia Canaviais

(clique nas imagens para ler)

Marcelo Rebelo de Sousa foi eleito à primeira volta, como se esperava e como todas as sondagens indicavam. Sampaio da Nóvoa teve um resultado digno, depois de alguma hesitação no arranque da campanha; Marisa Matias teve sensivelmente o mesmo resultado do BE nas eleições legislativas, de Outubro de 2015, mas quase menos 100 mil votos (BE: 10,19% - 550.892 votos; Marisa Matias: 10,13% - 469.307 votos); Maria de Belém, a quem as sondagens chegaram a colocar à frente de Sampaio da Nóvoa, e que era apoiada por uma parte do PS, teve uma derrota estrondosa. com 4,2% dos votos (não atingido os 200 mil votos) tal como Edgar Silva, o candidato do PCP, que relativamente ao score eleitoral do seu partido em Outubro do ano passado perdeu mais de 250 mil votos (passando de 446 mil votos para 180 mil votos), depois da campanha mais cara de todos os candidatos e de uma evidente mobilização partidária para apoiar a sua candidatura por todo o país. O resultado de Vitorino Silva, o Tino de Rans, com mais de 150 mil votos também foi excelente para o candidato, sobretudo quando em distritos como o Porto conseguiu ficar na quarta posição, à frente de Maria de Belém ou de Edgar Silva.
Ao nível do Alentejo, os resultados são em tudo idêntico ao panorama nacional, com a excepção de Edgar Silva obter nos distritos de Évora e Beja a terceira posição e os melhores resultados a nível nacional (exceptuando a Madeira), dada a maior implantação do PCP nestes distritos, mas sempre seguido de muito perto pela Marisa Matias.
No entanto, analisando os dados em pormenor das freguesias urbanas de Évora, Marisa Matias fica em todas elas (Malagueira, Bacelo, Centro Histórico e Canaviais) à frente do candidato do PCP.
Quanto à abstenção ultrapassou a nível nacional os 50 por cento, ficando nos 51,16 por cento. No Alentejo, à excepção do distrito de Évora onde se situou nos 49 por cento, foi superior também aos 50 por cento, com Beja com 52,63 por cento e Portalegre com 50,54 por cento

14 comentários:

  1. O partido comunista tem um sério problema chamado bloco de esquerda e claro hoje já começou a sofrer os desgaste de ser governo,500 nomeações deste governo em 3 meses é brutal!

    ResponderEliminar
  2. cadê o gajo da azia?

    ResponderEliminar
  3. Grande vitória do BE.
    Grande vitória da extrema direita.
    Grande festa do BE e da direita.

    Parabéns à direita que divide a esquerda para reinar.
    Parabéns à direita que é dona dos meios de comunicação.
    Parabéns à direita que elege quem quer.

    Adeus democracia.
    Adeus liberdade.

    ResponderEliminar
  4. O gajo da azia diz que vai falar no comité e que foram gastos 750 mil euros com um padre que quase foi apanhado por um calceteiro que gastou 50 mil euros na campanha,muito mau e duro!

    ResponderEliminar
  5. O candidato conhecido por Tino de Rans conseguiu 152 mil votos e ficou a escassos 30 mil de Edgar Silva, apoiado pelo PCP,é hora da renovação no partido comunista,Jerónimo tem que sair!

    ResponderEliminar
  6. Derrota Estrondosa dos candidatos apoiados pelos partidos tradicionais (esquerda)ps/pcp,maior ainda em relação ao ps tratando-se de um partido de poder.

    ResponderEliminar
  7. Com os bloqueios e taticismos de PS e PCP,o Bloco poderá ser o Grande partido da Esquerda em Portugal.

    ResponderEliminar
  8. PS e PCP apoiam o regime Corrupto de Angola,o partido do governo faz parte da familia socialista europeia.

    ResponderEliminar
  9. Os votos no Tino dão-nos a imagem e a dimensão do descalabro da democracia portuguesa.

    Votos que se devem inteiramente aos media e aos jornalistas nacionais.
    Mais uma vez, parabéns pela vitória.

    ResponderEliminar
  10. Zorrinho e Assis os grandes derrotados,a sua estratégia de posicionar o ps com as politicas neo-liberais levariam o partido a eclipsar.

    ResponderEliminar
  11. Um comentador chega a Presidência,o regime está pôdre.

    ResponderEliminar
  12. Com todo o respeito pelo cidadão Vitorino Silva(tino de rãs),os Portugueses acabaram por eleger o "Tino" comentador.

    ResponderEliminar
  13. Sabe mais o povo na unha encravada, que os sabujos dos partidos todos juntos

    ResponderEliminar
  14. MEUS SENHORES, SÓ UMA QUESTÃO URGE RESPONDER : CADÊ O ILUSTRE HONESTO, PATRIÓTICO E DE ESQUERDA, GAJO DA AZIA?

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.