sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

E está explicado porque é que Guterres não se candidatou a presidente da República


7 comentários:

  1. A atenção da Universidade

    Mais transparência nos concursos,é uma vergonha ,foi feito á medida de uma funcionária.

    Até quando estes dirigentes das instituições públicas usam as mesmas para dar emprego e promoções aos afilhados.

    ResponderEliminar
  2. Guterres não é parvo ia para a presidência numa altura é que o governo abre um buraco de 11 mil milhões de euros nas contas publicas com devoluções e aumento de despesa ainda com uma divida por pagar a troika,pobre futuro presidente sobre brasas!

    ResponderEliminar
  3. Faleceu hoje o Arquitecto Alexandre Gaspar, natural e residente em Évora. Funeral amanhã 10h30 Cemitério dos Remédios

    ResponderEliminar
  4. Grande cromo me saiu o Costa.
    Ah e tal vai acabar com os cortes para dar mais dinheiro às pessoas para aumentar o consumo e estimular a actividade económica.....

    Pois, dá com uma mão e tira com a outra.
    Agora apresenta um orçamento com aumento de impostos sobre os combustíveis, que faz aumentar o preço dos transportes e o preço de tudo porque tudo é transportado.
    Bonito serviço, Sr Costa. Sim Sr. E foi para isto que o Sr derrubou o Governo do Passos Coelho. Sim Sr, vai pelo bom caminho. Com a idade que tem já devia saber que um país não é uma mesa de experiências. E a sua é falhada de certeza.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E vamos ver o aumento do desemprego. É que com um cromo destes a 1º Ministro, qual é o empresário que vai investir em Portugal?
      Só se for parvo.
      O investidor já tem a sua vida montado, não vai querer ter chatices. Os empresários deviam ser acarinhados, mas em Portugal têm o Arménio Carlos para os afugentar daqui para fora.
      E quem quer trabalhar que se lixe. É a política do PCP. É o Novo Rumo para Portugal.

      Eliminar
    2. O Mundo mudou.
      Dantes os capitalistas, os exploradores eram os da Direita. A Esquerda eram os trabalhadores que trabalhavam de sol a sol e eram explorados pelos da Direita.
      Hoje é ao contrário. Os da Esquerda arranjam todas as manhas para viverem à custa de quem trabalha. Os da Esquerda são os gordos e os da Direita trabalham de sol a sol e pagam os impostos com língua de palmo para o Estado dar aos da Esquerda sob a forma de subsídios de toda a espécie.
      Os da Esquerda andam gordos e os da Direita puxam pelas calças.
      O Mundo precisa de uma grande volta para pôr os pontos nos íís e a lei só pode ser uma:- Quem não trabalha não come.
      Que venha essa lei súbito.

      Eliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.