sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Depois da Boa Fé anuncia-se prospecção de petróleo junto da Costa Alentejana


Bem sabemos que certas questões nunca estarão definitivamente resolvidas. Nem resolver um problema local garante que ao lado não se apresente imediatamente outro: o sistema é gerador duma pressão constante, poderosa, no sentido da devastação e por isso a vigilância cidadã tem que o ser também. Depois da Boa Fé (que não está resolvida, apenas em banho-maria enquanto a cotação do ouro não explodir de novo) eis que anunciam prospecção de petróleo em áreas marítimas de grande profundidade, AO LARGO DA COSTA ALENTEJANA. A catástrofe da BP no Golfo do México não bastou. O mesmo cálculo que levou a furar ali, propulsa projectos destes por aqui. O que se ganha e sobretudo quem ganha? O que se perde e sobretudo quem perde? Temo que a retórica do "emprego", da "factura energética" a curto prazo convença os portugueses que é "desenvolvimento" e portanto é bom, que cria emprego, etc. etc. E assim nos afundam num beco sem saída, cada vez mais absurdo, enquanto os recursos podiam ser investidos na transição energética, e melhor, ecológica. Tenho dificuldade em resistir a um certo desânimo!

20 comentários:

  1. O primeiro dia de um Novo ciclo,esperamos que seja de Mudança.

    Começar JÁ a fazer auditorias aos vários serviços regionais,as negociatas a má gestão,veja-se o que se passa nos serviços da direção regional de agricultura(Malagueira) um feudo da CAP,com Grave prejuízo para os serviços públicos.


    Urge tomar medidas e responsabilizar os responsáveis pela má gestão.

    ResponderEliminar
  2. Na saúde ,a destruição do SNS pela mão do Dr.Robalo.

    ResponderEliminar
  3. A saída da equipa do Dr.Robalo será saudada pela Maioria dos Cidadãos.

    Agora não voltem com a Rosa Zorrinho.............. Basta........................

    ResponderEliminar
  4. Na verdade "a democracia europeia" não só não é democrática, como está refém e às ordens da geopolítica do capital e da NATO.
    1
    Por alguma razão, o Cavaco punha à frente dos interesses dos portugueses, os interesses dos tratados com a Europa, que nunca foram votados pelos portugueses.
    2
    Por alguma razão, a Grécia tem que pagar a roubalheira da finança europeia, alemã e americana, com juros insustentáveis, obrigada pelo BCE e União Europeia.
    3
    Por alguma razão, a Síria se vê atacada e destruída pela NATO, pelos países mais selvagens e desumanos da cultura muçulmana, nomeadamente a Arábia saudita e a Turquia, e pelos terroristas financiados e armados por todos esses países, e que, por sua vez, servem de pretexto para mais e maiores ataques e destruição, e consequente invasão de refugiados em fuga para a Europa.
    A religião é o outro pretexto propagado para enganar o mundo, para radicalizar a guerra do petróleo, e para destruir os países alvo.

    Estes selvagens não têm o mínimo respeito pela vida humana, nem pelo ambiente.
    A mentira e a força estão acima da razão.
    Quem estiver no caminho do petróleo é simplesmente aniquilado.
    É esta a "civilização" que hoje domina o mundo.
    Quando quiserem o "nosso" petróleo há de cá haver um Cavaco para lhes abrir as portas e lhes lamber as botas.

    ResponderEliminar
  5. A tyco duou um carro de combate a incendios, prova que a nova direçao tem uma funçao social na regiao ao inves dos antigos diretores, ficavam mas era com os euros para si. Bem haja a nova direçao da tyco de Evora. Os portugas ou aparentados boschs lusos so querem o cach para eles

    ResponderEliminar
  6. À semelhança da mina de ouro, será que o PCP também vai impedir a exploração de petróleo ao largo da costa alentejana?

    ResponderEliminar
  7. No novo ciclo politico a Esquerda tem que ter mais protagonismo e uma maior dinâmica,faz todo o sentido a fusão do LIVRE no BLOCO de ESQUERDA.

    ResponderEliminar
  8. Neste Novo Ciclo a Esquerda tem que estar Activa,Urge uma Mudança Radical nos serviços regionais do Poder Central,o clientelismo,a Corrupção e o Roubo são práticas dos últimos 40 anos.

    Haja Coragem politica para terminar com esta situação.

    ResponderEliminar
  9. Não Mais Robalos,Palma Ritas,Rosas e outros que tais,que seja o começar de um tempo Novo de Gente com Ética e dicada a coisa pública.

    ResponderEliminar
  10. A fusão do Livre /tempo de avançar no Bloco seria uma prova de maturidade e a constituição de uma Esquerda Mais Forte.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Explica lá isso por miúdos, sff.
      Porque seria prova de "maturidade"?
      Porque seria a Esquerda Mais Forte?

      Eliminar
  11. A um ano do congresso do PCP é tempo de diálogo e franca participação e de abertura aos dissidentes,tempo de renovação e de audácia,a Esquerda bem precisa.

    ResponderEliminar
  12. Anónimo das 15:06 ,andas mal informado as Forças que se opuseram (e bem) a mina na Boa-Fé,foi o Bloco,PS e CDU.

    ResponderEliminar
  13. Atenção à Senhora Dr.ª da Segurança Social de Évora, Sónia Ramos, parece que é de estalo.
    Nada de saneamentos, apenas mudança. Essa senhora era mensageira de tudo o que Passos queria...

    A. Gomes

    ResponderEliminar
  14. Benditos os animais
    Tal como estava previsto no programa do partido PAN, o estatuto jurídico dos animais será revisto pelo novo Governo. Os animais deverão deixar de ser considerados "coisas" e deverão ter maior protecção judicial contra maus-tratos.
    Será que os jovens, os trabalhadores, e os idosos de Portugal, estão abaixo dos animais?

    ResponderEliminar
  15. Mas que merda é esta?
    Ainda ontem formaram o governo do golpe e já não se entendem com a reversão das privatizações dos transportes?
    Eh pá, façam por manter o governo pelo menos o tempo que durou o 2º do Passos Coelho!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O circo da esquerdalha começou. Deixoos poisar!

      Eliminar
  16. Título da SIC/Expresso:
    POLÍTICO MORTO EM CILADA SEXUAL

    O título devia ser:
    Tarado Sexual, eleito pelo CDS, morreu no deboche.

    É esta a democracia cristã.
    São estes os jornalistas que protegem os criminosos.

    ResponderEliminar
  17. correcção: o título não é do Expresso, é do CM

    ResponderEliminar
  18. Com essa mentalidade, que qualquer projecto irá falhar e dar cabo da humanidade, vivíamos ainda nas cavernas.

    Depois anda esta gente a reclamar Estado Social mas sem produzir nada. Tudo vem de fora...TUDO...

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.