terça-feira, 26 de maio de 2015

E a pergunta é: provisório ou definitivo?





As imagens foram hoje publicadas em várias páginas do facebook e dão bem conta do estado provisório (ou definitivo?) das "sapatas" que sustentam a escadaria de acesso entre o recinto da Feira de São João e o Jardim Público, em Évora. Será para ficar assim "atamancado", pondo em risco a segurança pública ou as "tabuinhas" irão ser substituídas por algo mais seguro - e definitivo? Ou já vale tudo o que antes se criticou?

58 comentários:

  1. O velho desenrascanço à PCP.

    É a excelência dos funcionários militantes do Partido Comunista. Se essa cagáda cair, ainda vão responsabilizar o Passos Coelho

    ResponderEliminar
  2. A Politica da Câmara do PCP está bem espelhada nesta imagem :)

    NÃO HAVIA MELHOR imagem para representar o PCP, o Luciano, o Sá, a Élia (sem agá) e todos os funcionários da câmara que entraram por cunha partidária.

    ResponderEliminar
  3. Este blogue vai de mau a piau...

    Só agora é descobriram o que são as instalações das feiras?
    Durante anos não viram os carroceis, os aviões, os carrinhos e outros divertimentos com "sapatas" iguais a estas?
    Tal não é cegueira...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Vi os carroceis mas o PCP não. Deviam aprender mais com o povo que trabalha para ganhar a vida e menos com o que caga postas de pescada nos serviços publicos, na acassoria partidária ou nos testas de ferro dos sindicatos do PCP dentro das empresas.

      Eliminar
  4. Esta autarquia esta cheia disto,amadores e curiosos!

    ResponderEliminar
  5. Que pergunta tão parva.
    É óbvio que é provisório.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É que é mesmo uma pergunta muito parva.

      Eliminar
  6. Estou a ver o Jerónimo na SIC noticias a "mostrar" o programa eleitoral.

    Meu deus.
    Esta gente não faz a mínima ideia do que é governar e o que o Povo na realidade pretende. A cassete é sempre igual: a conversa pode ter sido tirada há 30 anos atrás dum discurso qualquer do estalinista Cunhal.

    1000 Passos Coelhos, são mais benignos do que a unha do dedo mindinho de qualquer um destes tipos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ahahah é só música daquele violino para os velhos.

      O Discurso parece uma peça de teatro lida pelo camarada Russo.

      Esta gente é toda alucinada. Não conseguem medir cada uma das consequências do MAR de promessas em casa frase.
      Sempre achei o partido comunista, de longe o mais hipócrita e fingido de todos.
      Aliás, as ditaduras começam sempre com paninhos e conversinhas.

      Eliminar
  7. Estes estarolas conseguem fazer melhor e com mais profissionalismo as barracas da festa do Avante, do que que uma escada de serviço para o bem público.

    Tudo o que seja trabalhar formalmente, para os comunistas tá carocho!

    ResponderEliminar
  8. À atenção da ACT (autoridade para as condições de trabalho)
    Há empresas da distribuição que valendo-se da precariedade dos funcionários negam-se a pagar as horas extraordinárias que as pessoas fizeram. Está no nas mãos dos consumidores deixar de comprar nessas grandes superfícies que escravizam as pessoas. Não deixa de ser paradigmático de se dar um caso da empresa em causa se arma em benemérita, hipocrisia pura

    ResponderEliminar
  9. Concordo contigo. Mas já agora na Câmara de Évora também não pagam nem uma hora extraordinária a quem as faz. Chamas também a ACT ou vou ser eu a ter que chamar?

    ResponderEliminar
  10. Mas quem é o ACincoTons que publica post's destes?
    Será que nunca foi à feira e nunca viu os carroceis e os aviões apoiados em madeiros destes?
    Aqui em Évora ou em qualquer outra feira de qualquer localidade do país...

    PS: claro que para os aziados do costume os feirantes, donos dos carroceis e dos aviões, devem todos calões incompetentes e... do PCP. Será que esta gentinha não percebe como está a cair no ridículo.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Claro que se esperava mais da Câmara de Évora do que de um qualquer feirante apenas interessado em ir buscar uns cobres à Feira. Mas talvez não, pelo que se percebe por comentários como o anterior, para quem agora, tudo, haja o que houver, estará bem. Santa cegueira que tão bem faz aos pobres de espírito!

      Eliminar
    2. A câmara de Évora já faz escadarias daquelas há muitos anos, seu palerma!

      Eliminar
  11. 19.04 é totalmente proibido esse tipo de apoios, antigamente era assim, hoje tem que ser nivelados com placas de metal e calces próprios, se houver um acidente o responsável pode ir preso.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Antigamente era assim e agora continua...
      Vão ter de prender muitos por esse país fora.

      Eliminar
  12. Amadorismo e falta de brio profissional. ´
    Nada a que a Camara de Évora não nos tenha habituado

    ResponderEliminar
  13. Mas um acesso na zona do Palácio D.Manuel para cadeira de rodas e carros de crianças , a fim de evitarem dar uma volta brutal para irem aos carroceis , nunca fizeram uma rampa permanente .

    Jorge

    ( ciclista )

    ResponderEliminar
  14. Obra do eng Serra e do eng Vieira, do melhor que há

    ResponderEliminar
  15. por isso o despacharam de Montemor.

    ResponderEliminar
  16. Tenho a certeza que no fim vamos ter aqui um post a dar conta dos mortos e feridos.

    ResponderEliminar
  17. Mas afinal está tudo parvo? Só gente que nunca trabalhou, pseudo-intelectual da balela, que nunca pregou um prego é que não sabe que em todo o lado este tipo de estruturas levam sapatas para nivelar... Não gozem com quem trabalha seus Alcúdentros de raspa gazoza... bazófias, só se for a tua tia!

    PAROLOS!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isto é trabalhar?????
      Estes artistas nunca passavam da portaria de uma empresa decente.

      Vai aprender a trabalhar pá

      Eliminar
  18. Anda por aqui um comentador que considera medrosos e mariquinhas os que estão preocupados com a segurança.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. medrosos e mariquinhas não sei. Ignorantes, de certeza, e ressabiados, muito provavelmente. Vá lá saber-se porquê!

      Eliminar
  19. Estes atravancamentos são a cara do Partido Comunista em Évora e no país, que nunca foram grande espingarda e à medida que o tempo passa mais caquéticos e rudimentares se tornam.
    A vereação anda a fazer o quê? As 35h por semana não chegam para ir a todas?

    Chularia do tacho que o sistema público proporciona, é o que eles são. No privado não passavam da portaria de uma empresa.

    ResponderEliminar
  20. A verdade é que na ditaduras Comunistas consideram o povo como uma entidade imbecil, sem sentido critico que deve obedecer sem pestanejar, a quem manda.

    Estes calços são os rudimentos de uma gestão comunista, cuja relação com o trabalho é muito mais reivindicativa e muito menos profissional. Ainda está para acontecer uma boa noticia de trabalho profissional e competente, vindo de organizações onde os Comunistas mandam, tais como alguns organismos onde os gajos mandam nas associações de trabalhadores e delegados sindicais.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se não fosses imbecil (ou será apenas o efeito da azia?) o que gostarias de ser?

      Eliminar
    2. Azia é o que a tua ideologia, juntamente com a fascista me causa.

      Eliminar
    3. A azia não vem da ideologia... Vem de outro lado.
      Vem das misérias que os teus amigalhaços andaram a fazer por Évora e pelo país fora.
      Vem de saberes que os eborenses e os portugueses rejeitaram as trafulhices e os trafulhas.

      Eliminar
    4. Azia! Azia! Viva, voltou o gajo da azia! Então e a receita compensatória? Ou está a perder a tesão? Azia... diga lá outra vez, mas devagar, sff...

      Eliminar
  21. Onde é que esta gente vive ou onde tem vivido?
    Só agora repararam como são assentes estas estruturas metálicas provisórias? Aqui em Évora ou em qualquer localidade do país.

    Será que nos 12 anos de desgovernação PS nunca repararam nos carroceis, nos aviões, nos carinhos de choque, ou nos outros divertimentos da Feira?
    Será que pensam mesmo que somos todos tão estúpidos que vamos nesta conversa pseudo-intelectual de quem nem sabe pregar um prego?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. lindo!!

      Como se isso fosse verdade...então já que há coisas mal paridas, vamos lá parir também como eles. A mediocridade, combate-se com mediocridade, mesmo quando se trata de segurança pública gerida por organismos que levam o dinheiro dos nossos impostos!

      Estes Comunistas são uma coisa hilariante

      Eliminar
  22. É uma bonita escada e, ligar o Jardim Público ao Rossio, é uma excelente iniciativa.
    Talvez por isso os cães ladrem tanto para ver se assustam.
    Mas, como diz o povo: os cães ladram e a caravana passa...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. lolol

      sabujo

      Eliminar
    2. Boa iniciativa???
      Vai-te catar e dar banho ao cágado. Deves mamar à contra do Estado.

      Boa iniciativa é criar condições de desenvolvimento para que haja trabalho. Mas...trabalhar e profissionalismo...são coisas que comunista não gosta nada

      Eliminar
    3. Os rudimentos do trabalho, são a cara do dono que os manda executar.

      Eliminar
    4. Não sei se estes cães ladram. A mim parece-me que estão a ganir. Vá lá saber-se porquê!....

      Eliminar
  23. As sapatas, se forem definitivas, metem medo.
    E não é uma bonita escada. Lembra as escadas da AR e a da Universidade de Coimbra, escadas intimidantes dos cenários fascistas.
    Lembra a polícia de choque escada abaixo, a carregar sobre os cidadãos que se manifestavam perante o poder fascista.
    É uma escada desconfortável e insegura, não sei se obedece aos requesitos mínimos.
    Seria mais confortável, menos intimidante e mais barato, fazer uma escada paralela à muralha, devidamente dimensionada para a necessidade.
    Sem ofensa, é a opinião de um ignorante.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A sabedoria popular é imensa e chega a todo o lado. E, como diz o povo, vozes de burro não chegam ao céu!...

      Eliminar
    2. Bem visto @13:16

      Eliminar
    3. 13:16
      Não é preciso ser muito inteligente para saber que as sapatas são provisórias.
      Quanto ao fascismo das escadarias deve ser o efeito das pastilhas que andas a tomar e que te dão a capacidade de discernir sobre a ideologia das escadas...
      Quanto à insegurança da escadaria tens bom remédio: não passes por lá. Até porque a quantidade de mortos e feridos que têm ocorrido naquela escadaria fascista é tão apavorante que só não percebo porque ainda não está inscrito no livro do Guiness de recordes.

      PS: confesso que não sabia que as azias produziam este efeito secundário.

      Eliminar
    4. Ó inteligente: todos sabemos que o mamarracho das escadas são provisórias. Era só o que faltava era aquela coisa ficar ali o ano todo. Quando se fala em provisório é se vão estar lá por uns dias, provisoriamente, ou se vão estar assim quando a feira for inaugurada e centenas de pessoas passarem por ali. Esperemos é que a ASAE funcione a sério e mande encerrar as escadas se elas estiverem neste estado no dia da inauguração da feira. E sei que tu percebeste, mas gostas de disparar para o lado, não é, funcionário de serviço?

      Eliminar
    5. 16:12
      Ficar ali o ano todo!
      Olha que rica ideia a tua.

      Quanto a ficar assim quando a feira for inaugurada, qual o problema? Acaso não foram já construídas escadas daquelas em várias feiras, por onde passaram centenas ou milhares de pessoas? E dai resultou algum problema?
      Algum dos inteligentes e pseudo-intelectuais sabe dizer-nos que problemas houve naquelas escadarias?

      Quanto à ASAE, seria bom que inspecionasse as fundações e as instalações elétricas dos carroceis, dos aviões, dos carinhos de choque, e outros divertimentos, (aqui em Évora e por esse país fora...) esses sim um verdadeiro perigo para a segurança dos utentes (e onde se contabilizam dezenas de feridos e alguns mortos...). Aliás, deviam começar por inspecionar os próprios equipamentos que são, muitos deles, a sucata que os países do centro da Europa - nomeadamente a França - interditaram no seu território.

      Quanto ao resto, deixem-se de parvoíces e de masturbações pseudo-intelectuais.

      Eliminar
    6. E sobre aquele que assentou praça no n.º 44 da estância balnear de Évora, não há nada a dizer?

      Eliminar
  24. O que me espanta é ainda haver tanta gente a ligar a estes "artistas", deste e daquele partido, que passam os dias a insultar-se anonimamente nas caixas de comentário. São completamente anormais, a defenderem, com uivos e dentadas, a mão que lhes dá de comer. Há 40 anos que é isto - a democracia de um lado e estes canídeos sempre à espera da carne que sobra do osso... Ainda há gente que vote nesta canalha?

    ResponderEliminar
  25. Triste PCP em que já nem sequer obra operária sabem fazer com categoria. Bento Gonçalves - o último dirigente do PCP que soube o que era trabalho e era um operário exímio na sua arte - deve estar a revolver-se na tumba com "artistas" destes...

    ResponderEliminar
  26. Tirado do mais évora de um comentário ao post sobre o apuramento da equipa de atletismo feminino do Diana para a final da II Divisão:

    "Pura propaganda política...
    Querem treinar em pista de atletismo? Vão a Vendas Novas...
    Querem ir a umas piscinas de qualidade? Vão a Montemor...
    Querem visitar feiras a sério, em espaços devidamente criados para o efeito? Vão a Estremoz ou a Beja...
    Querem ir ao cinema? Aí, podem ir a qualquer sede de concelho. Menos a Évora, claro...
    Biblioteca? Aconselho a de Beja.
    Centro comercial? Vão levar os vossos euros a Badajoz..."

    Eu acrescento mais, se não fosse o PS, com todas as culpas e insuficiências que tem no cartório, nem Embraer nem Vila Galé existiriam em Évora. As Câmaras da CDU têm sido um deserto para a cidade. Dentro de dois anos, no fim do mandato, veremos a obra feita. Deve ser ao estilo desta escada da feira de São João. Um arremedo de escada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Faltou dizer que esse comentário foi resposta a outro que perguntava se Évora ia, finalmente, ter pista de atletismo.

      Confesso que fiquei com a pulga atrás da orelha.
      Só o que faltava, para compor o ramalhete, era Évora ter uma Pista de Atletismo. E logo agora que suas excelências foram arredadas dos cadeirões da Praça do Sertório...

      Eliminar
  27. Haja paciência para este romance. Mas ninguém, seja daqui ou dali, trabalha em Évora? Ou isto é tudo feito a partir do serviço?

    ResponderEliminar
  28. Muito bem dito!
    Rudimentos!
    É o que o partido esclerosado e bafiento do PCP é!

    ResponderEliminar
  29. Trabalho de comunistas

    lololol

    ResponderEliminar
  30. Parece que nunca viram uma escadaria a ligar o Rossio ao Jardim público, nem sabem que ela foi feita dezenas de vezes.
    Palpita-me que deve ser tudo gente de fora... Gente que veio ver a bola e foi apanhada na rede, Com tanta parvoíce, só pode.

    ResponderEliminar
  31. "Uma imagem, uma politica"

    Viva o partido mais estalinista do mundo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Estás a falar de quem?
      Do ex-qualquer coisa que está a fazer a recruta no n.º 44 da estância balnear de Évora?

      Eliminar
  32. Epá o que para aqui vai por causa de uma estrutura de feira... Não há pachorra!

    ResponderEliminar
  33. Um tipo paga impostos para que os eleitos façam um trabalho profissional. Os amadores e curiosos que fiquem nos partidos a distribuir propagandas e a fazer escarcéu a mando dos comités centrais

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.