quinta-feira, 11 de dezembro de 2014

Depois de outras personalidades, palhaço Enano tenta visitar Sócrates na prisão

9 comentários:

  1. É só palhaçadas...deixem o homem em paz...
    Du Campo

    ResponderEliminar
  2. Em caso algum o Estado deve perder o controle da TAP, diz António Costa
    E tem razão, o amigo de Miguel Relvas e sócio da Tecnoforma e ex-primeiro ministro em 2015 quer vender tudo que seja Português.
    A seguir deve ser o Templo de Diana , os Jerónimos a Torre de Belém
    Com o jeito que ele para homem de negócios, nem Sócrates conseguia fazer pior devia ser proibido de vender um tijolo sequer.
    Tivemos sempre a piorar em termos de governantes, mas em relação a estes pior só elegermos o cão do Kito como 1º ministro e presidente da República o Kito

    ResponderEliminar
  3. O estado esta proibido por normas comunitarias de investir empresas,ONDE SE VAI BUSCAR O DINHEIRO PARA INVESTIR!

    ResponderEliminar

  4. o 44 está preso mas ouve as noticias!

    Então quando o sr. inginheiro Socrates apresentou em 15 de Março de 2010 o PEC, e defendeu a privatização da TAP, o PS batia palmas, o Costinha estava calado e agora é perigoso?
    Está a chamar o quê ao Socrates? Aventureiro, Irresponsavel?
    Diga lá!

    Plano de Privatizações PEC - 15 de Março 2010:

    "Privatizações nos sectores de energia (Galp Energia, EDP, REN, Hidroeléctrica Cahora Bassa), construção naval e defesa (Estaleiros Navais de Viana de Castelo, Edisoft, Eid, Empordef IT), transporte aéreo (ANA e TAP) e ferroviário (CP Carga e EMEF), financeiro (BPN e Caixa Seguros), comunicações (CTT), distribuição de papel (INAPA), mineiro (Sociedade Portuguesa de Empreendimentos) e concessão de exploração de linhas da CP"

    www.parlamento.pt/OrcamentoEstado/Documents/pec/PEC2010_2013.pdf


    Antonio Costa quer brincadeira só pode!

    ResponderEliminar
  5. @ 9:08
    Abra o olho homem, o que Costa afirmou, e com razão, foi que o 1.º Ministro mentiu quando disse que a venda da TAP estava no acordo cm a Troika. Na verdade no referido programa, diz que as grandes empresas, e a TAP é uma grande empresa, poderiam ser vendidas parcialmente mais, no mesmo documento está escrito que o objectivo seria a tingir os 5 mil milhões de euros, e as vendas já ultrapassaram os 8 mil milhões, logo para quê vender a TAP.
    Os últimos governos, o de Cavaco e este em especial, tem vendido tudo o que dá lucro e ainda por cima a preços de saldo. Quero ver daqui por alguns anos, quando o PSD voltar ao governo, que irão eles vender??, certamente os próprios portugueses, pois já nada restará. Já agora vendam as forças armadas e fátima.
    Du Monte

    ResponderEliminar
  6. Fica-nos a restar o Pingo Doce O Modelo, os submarinos que deram dinheiro a peixe graúdo.
    Salazar era um ditador, mas não vendia ao capital estrangeiro tudo o que fosse estratégico´. Havia a Cuf a Lisnave, os correios, empresas produtoras de eletricidade embora privadas eram de capital nosso. Este governo até vende a mãe dos ministros se isso lhe der dinheiro
    Ficam alguns restaurantes, mercearias de bairro ora isto não não é um pais a sério é um país de bananas

    ResponderEliminar
  7. Este blog é que está uma verdadeira palhaçada.

    ResponderEliminar
  8. O António Campos, mais um palhaço do PS, foi visitar o Sócrates.
    As declarações à saída da cadeia demonstram a falta de decência, de honestidade, de democracia e de cidadania, desta canalha.

    O Sócrates, diz ele, é um "símbolo da instituição" e portanto a sua prisão é uma "ofensa à instituição".

    A "ofensa à instituição" é o PS seleccionar, promover e eleger bandalhos para governar e ser primeiros ministros de Portugal.
    A ofensa é o PS não reconhecer os crimes que cometeu e permitiu cometer, e continuar a enganar os portugueses.
    A ofensa é o PS não reconhecer a independência e autonomia da Justiça, pilar da democracia e do estado de direito,.junto com o executivo e o legislativo.
    A ofensa é o PS comportar-se como uma associação de criminosos, que corrompe tudo e todos, e que levou o país à ruína.

    ResponderEliminar
  9. O Ps levou o país à ruína???
    Quem ROUBOU 7 ou 8 mil milhões do BPN, eram do PS;
    Quem fez negociatas com o submarino, eram do PS?
    Quem arruinou o BES, eram do PS?
    Quem fez as negociatas da urbanização da coelha, eram do PS?
    As roubalheiras ocorridas em Oeiras, eram do PS?
    etc, etc..
    Tenham VERGONHA NA CARA, pois todos os partidos tem telhados de VIDRO.
    Du Campo



    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.