sexta-feira, 4 de abril de 2014

Évora/Mérida: Desafio pela Saúde começa hoje

2 comentários:

  1. Acho estas iniciativas muito positivas e interessantes. Gosto da associação e do intercâmbio Évora-Mérida. Mas fico perplexo perante a triste ideia de obrigar as pessoas a dar prova da sua NACIONALIDADE para fruírem das entradas gratuitas nos respectivos museus. Não só o "gratuito" em Évora é reservado apenas aos "cidadãos espanhóis", e em Mérida reservado apenas aos "cidadãos portugueses", excluindo portanto em Évora os Portugueses e em Mérida os Espanhóis, como deixando de fora todos os HABITANTES destas cidades e países, residentes com outras nacionalidades. Para além da discriminação, para além do espírito "fazer prova de nacionalidade", muitos residentes em Portugal (e em Espanha), trabalham, consomem e pagam impostos (IRS, IRC, IVA), e são assim postos de parte de maneira estúpida. Leio "No fim-de-semana de
    4 a 6 de abril os cidadãos portugueses que visitarem a antiga Emerita Augusta (Mérida) terão acesso gratuito ao Museu Nacional de Arte Romana bastando para tal fazer prova da sua nacionalidade através do Cartão de Cidadão.
    O cidadão espanhol por sua vez entre as 12h00 de sexta-feira e as 12h00 de sábado
    poderão usufruir de entrada gratuita no Museu de Évora e na Sé Catedral".
    Que miséria!
    JRdS

    ResponderEliminar
  2. Pela nossa Saúde:

    Lavem os contentores do lixo

    Limpem as ruas

    Lavem o piso das Arcadas

    Medidas para os empresários de restauração despejarem em condições os lixos

    Medidas para os comerciantes não colocarem nas ruas as embalagens

    Medidas para os vendedores dos mercados do bacelo/1 de Maio não deixarem os restos dos vegetais e as embalagens no chão.

    Medidas para os vendedores do mercado mensal deixarem o Rossio Limpo.

    Pela nossa Saúde a Cãmara deve actuar na Limpeza da nossa Cidade.

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.