sábado, 16 de novembro de 2013

Há uma nova sala de espetáculos em Évora. Ousadia em tempos de crise ?


Acaba de nascer em Évora um novo espaço de cultura. Principalmente vocacionado para as artes do espetáculo, admite também outras propostas nos domínio das artes plásticas e da comunicação. Este equipamento identificou como públicos preferenciais a comunidade eborense mas também os turistas e visitantes. Aos de cá oferece-se como espaço para eventos culturais diversificados. Desde os públicos infantis aos seniores. Para os de fora prepara propostas ajustadas ao perfil e procura cultural de cada grupo.
Chama-se Armazém 8 e situa-se na Rua do Electricista, nº 8 no PITE ( Parque Industrial e Tecnológico de Évora). Esta nova sala de espetáculos conta com um palco de 7 x 4 metros  e é a única em Évora a reunir todas as condições definidas na lei para a exibição de espectáculos artísticos e por isso certificada pela Inspeção Geral das Atividades Culturais.

A principal sala deste novo equipamento tem uma capacidade para 200 pessoas sentadas em plateia. De pé, poderão ser várias centenas de espetadores a usufruir das mais variadas expressões artísticas que já ali se anunciam.

O Armazém 8 inaugura no próximo dia 30 de Novembro às 21h. Os habitantes e visitantes de Évora estão a ser convidados a descobrir o novo espaço que se lhes oferece.

Já os produtores, autores, criativos e outros técnicos de diversas áreas envolvidos com a indústria do espetáculo estão a receber um texto de apresentação deste equipamento que começa assim:

Um armazém é um espaço físico onde se guardam matérias primas, produtos em construção, ou já prontos a serem oferecidos aqueles a quem se destinam. É um elo entre a produção e a fruição.
O Armazém 8 procura, e acolhe cuidadosamente, matérias primas muito especiais. São as substâncias essenciais à produção das mais diversas expressões artísticas. Para além destas matérias primas, o Armazém 8 poderá mesmo receber obras primas, não tanto no sentido da obra perfeita, mas das melhores obras dos autores que desejam superar-se continuando a criar.
Nos caminhos da produção artística são necessárias inspirações, parcerias, para além de condições físicas e técnicas. O Armazém 8 propõe-se facilitar o acesso e a ligação dos criadores a estes meios."

4 comentários:

  1. Senhor vereador Eduardo Luciano:

    O edifício da antiga ,rodocviaria,é um belo espaço para cultura(dois pisos),um dos pisos pode ser um espaço ao serviço dos Eborenses,o outro para colocar serviços que saíram do centro histórico.


    (A CDU em 2009 prometeu transformar (antiga rodoviária) em espaço cultural.

    ResponderEliminar
  2. Senhor vereador João rodrigues:


    Espero ver em breve a cidade LIMPA.

    ResponderEliminar
  3. O João "bateu" foi castigado.......o RUI criticou o conselho geral instaurado processo disciplinar.......o pinheiro com os copos "enfiou-se" na ponte,abafado.........assim funcionam os BOYS nesta cidade.

    ResponderEliminar
  4. O João "bateu" ????? não me digas..., conta lá como foi o que aconteceu ??????

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.