terça-feira, 1 de outubro de 2013

Universidade de Évora atribui Honoris Causa a João Cutileiro


A Universidade de Évora vai atribuir o grau de Doutor Honoris Causa ao Mestre João Cutileiro, pela importância da sua obra ao nível da escultura, a qual exerceu influência na evolução das linguagens artísticas contemporâneas. A cerimónia realiza-se dia 3 de outubro, pelas 15h, na sala de atos desta instituição.
“É de inteira justiça a atribuição do grau de Doutor Honoris Causa a João Cutileiro, figura maior da escultura portuguesa, como é motivo de prestígio para a Universidade de Évora a sua outorga”, refere Carlos Braumann, Reitor da Universidade de Évora.
A oração laudatória será proferida por Christopher Bochman, diretor da Escola de Artes da Universidade de Évora.
João Cutileiro nasceu na cidade de Lisboa em 1937. Frequentou a Escola Superior de Belas Artes de Lisboa e mais tarde foi para a Slade School of Art, em Londres. Reconhecido nacional e internacionalmente Mestre Cutileiro é um escultor português galardoado com vários prémios. As suas obras estão expostas em todo o mundo. Desde 1985, o escultor vive e trabalha na sua casa em Évora, local onde está exposta uma parte da sua obra. (Nota de imprensa)

4 comentários:

  1. Mais um, da comissão de honra ao José Ernesto.

    ResponderEliminar
  2. Eterno presidente das comissões de honra do PS

    ResponderEliminar
  3. É o país do Isaltino, do José Ernesto, da Maçonaria, tudo com muita honra, pago pelo erário publico.

    Hoje reuniu-se em Évora a máfia das Fundações, com o governante do pelouro.
    Tudo associações criminosas, com muita honra.

    É um país de gatunos.

    ResponderEliminar
  4. PARABÉNS À UNIVERSIDADE DE ÉVORA
    PELA ATRIBUIÇÃO DA MERECIDA DISTINÇÃO

    pessoalmente, gosto muito menos do senhor
    do que do seu D.Sebastião

    e de toda a sua obra - de projeção universal

    um abraço de admiração ao escultor

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.