segunda-feira, 28 de outubro de 2013

Os dois cemitérios da cidades estão lamentavelmente descuidados


Espero que o mui talentoso vereador a quem está entregue o pelouro do Ambiente e Espaços Públicos comece desde já a mostrar serviço, ordenando a limpeza dos dois cemitérios da cidade que estão lamentavelmente descuidados, principalmente o do Espinheiro onde a relva cresceu a dimensões insuspeitas, de molde a que ambos apresentem, no próximo dia de finados, um aspecto decente, limpo e arrumado. E já agora- e porque diz possuir um profundíssimo conhecimento da cidade e das suas tradições- veja se descola, do forreta Pé Leve, uns eurozitos, para mandar colocar na Praça de Giraldo, os vasos com crisântemos que, segundo os costumes eborenses, sempre funcionaram como uma homenagem à memória de todos os nossos concidadãos falecidos.

52 comentários:

  1. O PS DESTRUIU as Tradições........preferiu as festas com as tias da linha.......e a musica PIMBA.

    ResponderEliminar
  2. No Natal colocava umas arvores manhosas nas rotundas e pendurava nas ruas umas coroas (mais pareciam de colocar nas campas).

    Baniu o São Pedro.......era só feira de são joão/festas da cidade.

    ResponderEliminar
  3. Eu esperava que o senhor Frota ganhasse juízo, mas parece que não vou ter sorte nenhuma.

    ResponderEliminar
  4. Esse Pé Leve ainda fica? Se não soube gerir os dinheiros antes saberá geri-los agora???

    ResponderEliminar
  5. E que tal este "acordo de princípio" PCP/PSD na Câmara de Loures ?

    O social-democrata Fernando Costa, eleito vereador pela coligação Loures Sabe Mudar, disse hoje que vai assumir o pelouro dos serviços jurídicos no executivo municipal liderado pelo comunista Bernardino Soares.
    Em declarações à agência Lusa Fernando Costa confirmou a existência de “um acordo de princípio” de governação com a CDU, que venceu as eleições autárquicas e a coligação Loures Sabe Mudar, que integra, além do PSD, o Movimento Partido da Terra e o Partido Popular Monárquico.
    “Há muitos pontos em comum nos dois programas autárquicos e isso facilitou o acordo. Tanto a coligação Loures Sabe Mudar como a CDU defendem uma gestão mais rigorosa e uma redução dos impostos municipais”, justificou o vereador.
    Da coligação Loures Sabe Mudar, além de Fernando Costa irá também assumir pelouros o vereador social-democrata Nuno Botelho, que ficará com as áreas do Turismo, Polícia Municipal, coordenação do Contrato Local de Segurança e serviços do veterinário municipal.
    Contactado hoje pela agência Lusa, o presidente da Câmara de Loures, Bernardino Soares (CDU), remeteu esclarecimentos para um comunicado que irá emitir mais tarde.
    Por seu turno, o PS, que elegeu quatro vereadores, e que geriu a Câmara de Loures nos últimos 12 anos, ficou de fora deste acordo.
    “É um acordo estranho porque o PS nunca se pôs de parte. Houve algumas reuniões e propusemos à CDU um conjunto de áreas nas quais poderíamos dar o nosso contributo. Foi, pois, com espanto que fomos confrontados com esta decisão [da coligação com o PSD]”, afirmou à Lusa o presidente da concelhia do PS, Ricardo Leão.
    O antigo líder de bancada da CDU Bernardino Soares venceu as eleições autárquicas de setembro em Loures sem ter obtido a maioria absoluta.

    ResponderEliminar
  6. @17:20
    Se calhar não foi (só) o PÉ LEVE que não soube gerir. Se calhar houve alguém mais acima e alguém antes dele com muito mais responsabilidades no descalabro a que aquilo chegou...

    ResponderEliminar
  7. A tradição da gestão socialista era trazar a Lili Caneças e outras tias,gabavam-se de ser tratadas como princesas pela çãmara,passavam dias em Évora á conta do orçamento....foi gastar vilanagem.

    ResponderEliminar
  8. Espectaculos com o REI da Musica Pimba...Dezenas de milhares de Euros.......foi gastar vilanagem....até que um dia a cãmara deu o Berro........e Agora PAGAMOS a factura.

    ResponderEliminar
  9. O Sr Frota continua com a prosa repleta de tiques: "mui talentoso".
    Ou então está a tentar ser engraçado: é que nunca lhe ouvi este piropo à sua mui amiga Vereadora Cláudia Sousa Pereira...

    ResponderEliminar
  10. Um texto oportuno, a propósito desta gente, aqui:

    http://5dias.wordpress.com/2013/10/28/para-quem-nao-esta-realmente-disposto-a-lutar-os-combates-dos-outros-serao-sempre-derrotas/

    Não sei se já havia esquerdistas e social-democratas entre as maçãs do paraíso mas sei o que diriam os que bebem macieiras nas tabernas operárias do meu bairro: “não fode nem sai de cima”. Certamente, onde há maçãs há vermes e, para além de serpentes, não faltariam parasitas entre Adão e Eva. Lembro-me de ser puto, de ter ganho alguma consciência política e de querer participar na transformação social do meu país. Na altura, dediquei-me a ler alguns materiais sobre o Bloco de Esquerda e sobre o Partido Comunista Português. De facto, tive de destapar a linguagem moderna e contestatária para perceber que os bloquistas não só não apoiavam nenhum país socialista como se apropriavam de figuras revolucionárias que não tiveram qualquer pejo em afirmar-se ao lado desses países. O Che Guevara, figurava que me fascinava, ondeava nesses tempos em bandeiras nos comícios de um partido que nunca esteve ao lado de Cuba. Pior. Eu que me tinha habituado a olhar admirado para as experiências na América Latina e via na consigna ‘patria, socialismo o muerte, venceremos!’ um grito contra o imperialismo e o capitalismo, sentia-me intrigado por haver um partido que se dizia de esquerda que não só atacava tudo o que cá cheirasse a luta anti-imperialista – e, portanto, patriótica – como se desmanchava em amores por tudo o que viesse da ‘esquerda moderna’ que embandeirava a União Europeia.

    Muitos dos que hoje querem aparecer como os mais radicais activistas à esquerda, participaram nos anos em que era fácil ser-se do BE. Apesar das minhas profundas divergências com o partido de Catarina Martins e de João Semedo, não consigo compreender quem saiu daquela organização porque defendia uma aliança com o PCP e que passa agora o tempo todo a atacar ambos os partidos, com mais incidência sobre os comunistas porque já lhes vem no gene político. No fundo, não querem a unidade. O que querem é viver da intriga e do parasitismo. Já se sabe. Se é uma manifestação, devia ter sido uma greve. Se é uma greve parcial, devia ter sido geral. Se é geral, devia ter sido de vários dias. E assim sucessivamente até à exaustão enquanto se atrelam indefinidamente a todas as acções convocadas e dirigidas pela maior central sindical portuguesa. Não se atrevem a fazê-lo sozinhos porque sabem que vivem isolados do resto das pessoas na sua redoma elitista onde debatem incessantemente uns poucos sobre como devia ser a luta de todos e para a qual raramente contribuem.

    Enquanto combaterem os comunistas e as organizações de trabalhadores, terão sempre algo em comum com a direita. Mas, de facto, existirem é o sintoma de que se agudiza a luta de classes no nosso país e de que há mais espaço para o oportunismo. Qualquer erro ou aposta contrária à desta gente por parte da classe trabalhadora organizada será alvo imediato dos franco-atiradores. Mas nunca, nunca ouviremos um elogio claro e sincero às vitórias de quem luta todos os dias nos locais de trabalho e nas ruas. E com todo o respeito que tenho pela luta, coragem e pela decisão dos trabalhadores portuários, o que teriam dito alguns sobre os estivadores que optaram por não alinhar no bloqueio do Porto de Lisboa se estes fossem da CGTP?

    ResponderEliminar
  11. 18:37

    Um texto também oportuno que talvez te dê jeito ler:

    http://colectivolibertarioevora.wordpress.com/2013/10/28/1922-manifesto-de-sindicalistas-presos-sobre-o-pcp/

    ResponderEliminar
  12. Já passou um mês.
    Mas os AZIADOS do costume ainda não perceberam o que lhes aconteceu...

    ResponderEliminar
  13. @20:47
    O senhor doutor anda a diagnosticar AZIA a toda a gente que não mija no penico da CDU. E isto em todos os blogs da cidade. Bem haja pela sua preserverança e profilaxia da azia. Évora agradece.

    ResponderEliminar
  14. A foto que ilustra o post é de 20 de Abril (2013?)
    Só gostava de saber onde andava o Frota que nunca se lembrou de apelar ao "mui talentoso vereador a quem estava entregue o pelouro do Ambiente e Espaços Públicos" nessa altura" para resolver o problema.
    Além de que o dito vereador esteve lá durante 8 anos seguidos sem que ninguém tivesse dado por ele...

    ResponderEliminar
  15. 21:45
    Se calhar nessa altura ainda não estava atacado pela crise de AZIA que o vem incomodando no último mês. Uma crise que, pelos sinais, vai durar 4 anos, pelo menos... A ele e outros da mesma laia.

    ResponderEliminar
  16. "Enquanto combaterem os comunistas e as organizações de trabalhadores, terão sempre algo em comum com a direita."

    De facto vivem e lutam na trincheira da direita.
    Por isso são tão respeitados pela direita, e recebem tempo de antena e destaque desproporcionados, cobrados nos canais da informação da direita.

    Tal como o criminoso Sócrates, com grande destaque, a inventar distracções, para esconder os crimes e a crescente oposição popular ao governo.

    ResponderEliminar
  17. Quem são os comunistas? Os que se aliam ao PSD em Loures, Funchal e mais não sei onde? Sim senhor, tá visto que se pode contar com eles para o que quer que seja. Menos para mudar nada.

    ResponderEliminar
  18. A notícia é de ABRIL!!!! Será que a situaçãoainda se mantêm? Ou o Frota está apenas a frotar?
    http://www.cmjornal.xl.pt/noticia.aspx?channelid=00000152-0000-0000-0000-000000000152&contentid=F40126E7-70FF-4FC8-936F-7181EEA72E45

    ResponderEliminar
  19. Sobre certos arautos da esquerda.
    Então quando questionaram o BE por ter entrado em executivos de freguesias com o PS, não disseram o mesmo quando o BE o fez com o PC e agora perante um acordo político com o PSD em Loures já não falam. Afinal querem alianças com a esquerda ou com a direita?
    Tenham vergonha

    ResponderEliminar
  20. Com tantos problemas e costumes culturais para reavivar os crisântemos é que importam?
    O Frota...Pensa la numa coisa seria coisa!
    Lurdes

    ResponderEliminar
  21. Em Loures o camarada BERNARDINO alia-se com o doutor Passos Coelho, o tal que está a destruir o País!
    Caramba, nunca mais temos aqui uma DEMOCRACIA como a da COREIA DO NORTE.

    ResponderEliminar
  22. A notícia não é de Abril. A foto é que é, tal como está explicado na legenda da foto. Deves ter espertos na cabeça, ó artista!

    ResponderEliminar
  23. A Câmara de Évora além de falida foi transformada num caos funcional e organizativo. E isso não aconteceu hoje, nem ontem. Aconteceu ao logo de 12 anos, de uma gestão inteiramente desastrosa.

    Só tenho pena que os senhores Frotas deste concelho não estivessem atentos ao descalabro que se ia consumando sobre os seus olhos, nem ouvissem as vozes atentas e informadas que iam alertando para as sucessivas asneiras.

    Felizmente acordaram há um mês. Vamos lá ver se desta vez conseguem olhar para os factos com olhos de ver, e separar o trigo do joio. Pelo conheço dos personagens tenho muitas dúvidas. Mas nada como dar-lhes o benefício da dúvida.

    ResponderEliminar
  24. Em defesa dos crisântemos na Praça do Giraldo. Um texto de Virgilio Ferreira, datado de 1959. Já nessa altura havia crisântemos na Praça- Agora não. É a cidade que entristece?:

    …“Lembro-me bem de que nessa manhã toda a Praça acordara enfeitada de crisântemos. Mas só agora eu reparava bem neles. Havia crisântemos ao longo das arcadas, uma roda de vasos cercava a fonte por dentro das grades. Havia-os brancos, roxos, amarelos, de cabeleiras caídas para os olhos, com o seu ar fatal ao sol triste de Outono.” (“Aparição” de Virgílio Ferreira – Acção passa-se em Évora. Romance de 1959)

    ResponderEliminar
  25. Serão os Frotas capazes de nos explicar em que medida é que os crisântemos contribuem para resolver a situação de FALÊNCIA em que se encontra a CME ou para a tirar do caos organizativo em que se encontra?

    E, já agora, saberão os senhores Frotas deste concelho, quantos vasos de crisântemos foram comprados e plantados pelo anterior executivo da CME para agora colocarem na Praça do Giraldo? Ou os Frotas acham que os crisântemos nascem e crescem por geração espontânea e numa ou duas semanas?

    Aos Frotas deste concelho, aconselho a que tratem da azia e reflictam sobre as razões de termos chegado ao descalabro a que chegamos. No país e no concelho.

    ResponderEliminar
  26. 10,20

    Porra, acalmem-se. Ainda não começaram a fazer nada na nova governação e já os vejo assim com os nervos feitos num oito. Olha que começam mal. A ideia não era ouvir todos, respeitar todos e integrar todos? Ou eram só palavras e conteúdo zero? Deixem que quem gosta de crisêntemos se expresse.(Eu também gosoto de crisântemos!) Ou vamos ter uma nova censura e só podem ser abordados os temas que suas excelências querem?

    ResponderEliminar
  27. eram só palavras e conteúdo zero!

    Quem não gosta de crisântemos e não aplauda o NGC (Novo governo da Cidade) tá lixado!

    ResponderEliminar
  28. Já passou um mês.
    Mas os AZIADOS do costume ainda não perceberam o que lhes aconteceu...

    ResponderEliminar
  29. Só uma pergunta:
    Os crisântemos serão bons para tratar das ressacas e azias que não passaram com rennie?

    ResponderEliminar
  30. @11.31
    Obrigado Sr doutor da AZIA
    Afinal 12 anos de prática a curar AZIAS sempre serviram para alguma coisa!

    ResponderEliminar
  31. O Frota é tonto e o ‘acinctons’ (aka Carlos Júlio?) é tão tonto como ele, ao dar-lhe guarida.
    Um e outro não conseguem esconder a azia que sentem há um mês.
    Afinal, as suas doutas palestras e comentários, a tentar branquear o desastre da gestão PS em Évora, não passaram de lamúrias a que os eborenses não ligaram peva. Como se viu pelos resultados das eleições de 29 de Setembro.

    ResponderEliminar
  32. Nem sei qual a AZIA que me dá mais gozo: se a do Frota se a do Carlos Júlio.
    Uma coisa sei tem sido um fartote de rir com a raiva e ressabiamento que escorre dos seus comentários.
    Agora é tempo de se irem habituando. A mudança está em marcha e é para durar.

    ResponderEliminar
  33. 11:44

    ò homem, se tens problemas de refluxo gastrico vai-te tratar para outro lado. Já te chamam o secretário da azia. (Tem cuidado: quando estiveres a assessorar o novo presidente não vomites o gabinete. É de mau tom).

    ResponderEliminar
  34. 11:51
    Toma um "cházinho de crisântemo" que isso passa!...
    E se não passar, podes sempre tentar fazer alguma coisa útil, como tentar vender xuxas à porta da maternidade...

    ResponderEliminar
  35. 11:51
    Toma um "cházinho de crisântemo" que isso passa!...
    E se não passar, podes sempre tentar fazer alguma coisa útil, como tentar vender xuxas à porta da maternidade...

    ResponderEliminar
  36. Repito a pergunta, a quem saiba responder:
    Afinal, os crisântemos são bons para tratar das ressacas e azias, ou não?

    ResponderEliminar
  37. Mas isto é um blogue ou uma Central de Tratamento de AZIADOS e RESSACADOS?

    ResponderEliminar
  38. Já que experimentaste durante 12 anos deves estar informado. Passava ou não? Vá, desembucha. Vai guardando a receita para daqui a quatro.

    ResponderEliminar
  39. Crisântemos?
    E alguém que os tivesse plantado em devido tempo?
    E vasos para colocarem os crisântemos?

    Então o Frota e o Carlos Júlio ainda não perceberam o descalabro a chegou a câmara de Évora?

    Ainda não perceberam que não há dinheiro nem para comprar herbicidas e ferramentas básicas, quanto mais sementes e vasos?

    Ainda não percebetram que, em 12 anos, o pessoal operacional (que trata dos jardins e das limpezas) foi sendo substituído por técnicos (+60%) e administrativos, enquanto os operacionais (-20%) são hoje insuficientes para assegurar os serviços mínimos indispensáveis?

    E, não só não perceberam o descalabro que foi sendo criado nos últimos 12 anos, como não ouviram nem leram o que muitos disseram e escreveram. E, agora, pelos vistos, ainda gostam de se armar em parvos…

    ResponderEliminar
  40. Crisântemos?
    E alguém que os tivesse plantado em devido tempo?
    E vasos para colocarem os crisântemos?

    Então o Frota e o Carlos Júlio ainda não perceberam o descalabro a chegou a câmara de Évora?

    Ainda não perceberam que não há dinheiro nem para comprar herbicidas e ferramentas básicas, quanto mais sementes e vasos?

    Ainda não percebetram que, em 12 anos, o pessoal operacional (que trata dos jardins e das limpezas) foi sendo substituído por técnicos (+60%) e administrativos, enquanto os operacionais (-20%) são hoje insuficientes para assegurar os serviços mínimos indispensáveis?

    E, não só não perceberam o descalabro que foi sendo criado nos últimos 12 anos, como não ouviram nem leram o que muitos disseram e escreveram. E, agora, pelos vistos, ainda gostam de se armar em parvos…

    ResponderEliminar
  41. Cala-te secretário vai lamber o cu ó pintinho.

    ResponderEliminar
  42. O Frota e o CJ parecem duas viúvas enganadas e histéricas a chorar e a fazer o luto pelo falecimento do marido e do amante, ocorrido há um mês.
    Marido e amante que as enganaram e trataram mal durante a vida, mas que, agora, depois de morto era tão bonzinho…

    ResponderEliminar
  43. @12:46
    Sendo assim já percebi para querem os crisântemos na Praça do Giraldo: Para fazerem o luto.

    ResponderEliminar
  44. Mas isto é um blogue ou uma Central de VIUVAS AZIADAS em LUTO pelos maridos e amantes?

    ResponderEliminar
  45. Secretários vamos lá a ver se fazem alguma coisa e largam os computadores. Há um mês que ganharam as eleições, já há internet na Câmara (como se comprova pela actividade frenética nas redes sociais nas horas de serviço) e ainda nada se viu. Nem as ervas dos cemitérios limparam.Um pouco de trabalhinho, tá bem?, não fica mal a ninguém.

    ResponderEliminar
  46. Já passou um mês desde as eleições, mas a NOVA câmara só tomou posse há uma semana.

    E o que se vai vendo é que os AZIADOS do costume ainda não perceberam o que lhes aconteceu há um mês...
    Nem perceberam (ou fingem não perceber) que a Mudança JÁ ESTÁ em marcha.

    Mas é hora de se irem habituando, porque vão passar muitos anos até voltarem a sentar-se nas cadeiras onde os eborenses disseram esmagadoramente que não mereciam estar.

    Vão tomando Rennie e... HABITUEM-SE!

    ResponderEliminar
  47. @13.05
    O doutor AZIA deve ser um novo funcionário pago pelo NGC (Novo governo da cidade). Está sempre atento, não deixa passar uma.
    Controleiro para as redes sociais?
    É essa a tua função, não é?
    Vá desembucha!

    ResponderEliminar
  48. Cuida que essa AZIA está a tornar-se crónica.
    E a azia crónica queima os neurónios...

    ResponderEliminar
  49. Ena! Tanta dor de corno que para aqui vai!!!
    Custa muito, não custa?
    Aguentem-se.

    ResponderEliminar
  50. QUÉ ISTO! Os cemitérios de Évora têm mais comentários que o post abaixo sobre o presidente do NGC (Novo Governo da Cidade)!
    Ao quisto chegou!

    ResponderEliminar
  51. Já passou um mês.
    Mas os AZIADOS do costume ainda não perceberam o que lhes aconteceu...

    ResponderEliminar
  52. Vá lá, e depois da excelente ideia dos crisântemos peçam lá ao Frota para escrever mais uma das suas baboseiras. Talvez sobre a Judiaria, que é um dos seus temas de excelência.

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.