sexta-feira, 18 de outubro de 2013

O APEGO AO PODER E O DESRESPEITO PELO SENTIDO DE VOTO DA POPULAÇÃO


A tomada de posse dos eleitos da Freguesia dos Canaviais, que decorreu no dia 17 de Outubro pelas 21:00 na Casa do Povo, foi marcada por uma atitude de total incompreensão, por parte do PS, do resultado das eleições autárquicas de 29 de Setembro.
Na Freguesia dos Canaviais a população penalizou o PS retirando-lhe a maioria absoluta. O PS ficou com 4 mandatos - tal como a CDU - e o PSD ficou com 1 mandato. Nestas circunstâncias, respeitando a tradição democrática, a composição da junta deve reflectir a inexistência de maioria absoluta. Tendo em conta que o Presidente é o cabeça de lista da força mais votada, os dois restantes membros devem ser das duas forças que elegeram. Qualquer outra composição perverte e deturpa o sentido do voto da população, transformando em absoluta a maioria relativa que resultou da vontade expressa pelo eleitorado nas eleições autárquicas.
As sugestões apresentadas, quer pelos eleitos da CDU, quer pelo eleito do PSD, convergiram na necessidade de consensualizar, entre os membros da assembleia de freguesia, uma proposta que respeitasse a maioria relativa, incluindo eleitos das 3 forças representadas na assembleia, PS, CDU e PSD. Para além do respeito estrito pela vontade da população, expresso nas eleições, uma composição tripartida enriqueceria certamente o trabalho autárquico. 
Numa atitude de total inflexibilidade, o Presidente eleito pelo Partido Socialista insistiu na apresentação de propostas de composição da Junta, atribuindo uma artificial maioria absoluta ao PS, que sabia não reunirem condições de aprovação pela maioria dos membros da Assembleia de Freguesia.
O apego ao poder e o desrespeito pelo sentido de voto da população parece determinar esta atitude do PS, cujas consequências poderão pôr em causa o acto eleitoral. O impasse provocado pelo PS levou à interrupção da Assembleia de Freguesia.
A CDU aguarda serenamente a convocatória da uma nova Assembleia de Freguesia, apelando desde já ao bom senso dos eleitos do PS, por forma a consensualizarmos uma proposta que viabilize a constituição da Junta, no estrito respeito pelo sentido do voto da população dos Canaviais.

Os eleitos da CDU na Assembleia de Freguesia dos Canaviais

12 comentários:

  1. Esta gente tem FALTA de principios,na Senhora da Saúde o Morgadinho faltou á tomada de posse.

    ResponderEliminar
  2. Sábado 15 horas na portagem da ponte.......MARCHAR......MARCHAR.....

    ResponderEliminar
  3. Alguém me explica como é que um executivo em que 3 lugares cada 1 ocupado por 1 força política ou seja as 3 com o mesmo peso representa a expressão de voto do povo que foi 4-4-1? Onde é que fica a diferença entre quem governa e quem faz oposição? assim realmente não vale a pena ir votar. ficam lá todos!

    ResponderEliminar
  4. @15:56
    A diferença está, obviamnete, no cargo de Presidente da Junta, desempenhado pela força política mais votada.

    ResponderEliminar
  5. É importante estar na portagem da ponte pelas 15 Horas.......VAMOS fazer a Marcha.

    ResponderEliminar
  6. Ainda bem que o Bloco de Esquerda não elegeu ninguém para esta freguesia, senão já sabiamos o que ia acontecer.

    E, as virgens ofendidas, ainda se queixavam quando eram acusadas de ser muleta do PS.
    Quem não os conheça, que os compre.

    ResponderEliminar
  7. O Morgadinho ao faltar à tomada de posse da Senhora da Saúde limitou-se imitar uma prática iniciada por Abílio Fernandes, há doze anos, quando faltou à tomada de posse do José Ernesto.
    Memória curta, não é?

    ResponderEliminar
  8. Eles e a as queixinhas e a vitimização

    Já começou a conversa da treta do reinado do PCP. A conversa de calimero foi sempre assim e sempre assim será.

    Esperamos agora é que pulem fora das águas do Alentejo e que façam diminiur o desemprego dinamizando a economia como prometeram - dimunir o desemprego à conta da EMBRAER e da TYCO não conta. Não se esqueçam.

    ResponderEliminar
  9. @21:07
    A azia continua...
    mas tens de te habituar.

    Agora é preciso convocar TODOS os eborenses para ajudarem a juntar os cacos em que PS deixou o concelho.
    E no meio dos cacos é preciso NÃO ESQUECER quem foram os responsáveis pela destruição.
    Por isso é bom que te habitues depressa. Porque as denuncias e os casos de gestão danosa hão-de vir a público...
    E não foi só nas Águas e na Praça de Touros...

    ResponderEliminar
  10. É verdade que o bloco de esquerda foi a muleta do ps na junta de freguesia de são miguel de machede?

    ResponderEliminar
  11. o triste das 19:31
    Em S. Miguel de Machede está na Junta com o PS. Na União das Juntas de Évora está com a CDU e na AM de Évora está na mesa com a CDU e o PS.
    Toma lá que é democrático.
    Ainda na entendes unidade de esquerda constrói-se não se papagueia.

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.