quinta-feira, 8 de agosto de 2013

DA de amanhã

24 comentários:

  1. O Bloco de Esquerda e Diário do Alentejo a meter a pata toda na poça...http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=816

    ResponderEliminar
  2. Não meteram a pata, enterraram-se na poça.

    É o que dá o afã de notoriedade, o oportunismo político de uns e o oportunismo noticioso de outros.

    ResponderEliminar
  3. Boa. Já conseguiram que o João Rocha seja eleito.

    ResponderEliminar
  4. Ah, Ah, Ah. Há que reconhecer que é uma boa piada. Dão tiros no pé e nem no pé conseguem acertar.

    ResponderEliminar
  5. Quando falta a cabeça, até um tiro nos pés se torna uma dificuldade insuperável.

    ResponderEliminar
  6. Ou como diz em linguagem vernácula: para quem não sabe foder, até os colhões atrapalham!

    ResponderEliminar
  7. Um partido que tem revelado uma arrogância extrema na interpretação da lei da acumulação de mandatos, afinal não foi sequer capaz de ler a lei que estabelece quem pode impugnar uma candidatura.
    Sim senhor, que belo exemplo...

    ResponderEliminar
  8. Os comentadores de serviço do PCP devem estar cansados. Repetem as mesmas lengaslengas aqui, noutros blogues que surgiram agora (bem vermelhos) e no Mais Évora! Ufa... q canseira

    ResponderEliminar
  9. Esta da impugnação em Beja é uma verdadeira anedota. Mas quem é que pode levar esta gente a sério?

    ResponderEliminar
  10. Isso mesmo Bloco.

    Lições de ética, verdade e coerência a todos sem exceção. Em matéria de honestidade estão a Anos luz dos outros todos.

    Só é pena estarem formatos naquela cartilha comunista (embora deixem entrar e sair livremente as pessoas "através do Muro de Berlin da vergonha", ao contrario do partido comunista tradicional) e daqui não arredarem pé.

    A cartilha anti capitalista, anti iniciativa individual empresarial, anti patrões, anti etc, impede o bloco de desbloquear e tornar-se numa opção séria.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tá bem pá! podem dar lições disto e daquilo, mas ao menos podiam ler as leis antes de escrever os comunicados, para não cairem no ridículo.

      Eliminar
    2. O BE está a habituar-nos a estas anedotas (onde alguns vêem lições...). Mas sempre com ar de virgens ofendidas.

      Eliminar
  11. O Bloco de tanto querer agradar ao PS (a quem chama de "esquerda", esquecendo que foram eles que trouxeram a Troika) , nem se dá conta do ridículo.

    ResponderEliminar
  12. A Manchete do "DA", que fechou a sua edição na última quarta-feira, parte de declarações oficiais do coordenador nacional autárquico do BE, Alberto Matos, ao nosso jornalista Aníbal Fernandes. As nossas desculpas pelo equívoco, mas parece que não somos propriamente nós que andamos equivocados.
    Paulo Barriga
    Diretor do "Diário do Alentejo"

    ResponderEliminar
  13. O Diário do Alentejo já não foi a tempo de substituir Bloco de Esquerda impugna candidaturas por Bloco de Esquerda alerta. De acordo com o camarada da UDP Alberto Matos impugna e alerta querem dizer a mesma coisa. Fui ver no dicionário da língua portuguesa elaborado pelo camarada do PSR Francisco Louçã e está lá essa definição do verbo impugnar=alertar.
    Quem é que os camaradas pensam que enganam? Os bejenses serão assim tão ignorantes como o Alberto Matos julga?

    ResponderEliminar
  14. LEI ELEITORAL DOS ÓRGÃOS DAS AUTARQUIAS LOCAIS
    Lei Orgânica nº1/2001, de 14 de agosto

    Artigo 25º
    Publicação das listas e verificação das candidaturas
    1 — Findo o prazo para a apresentação das candidaturas, é imediatamente afixada a relação das
    mesmas à porta do edifício do tribunal, com a identificação completa dos candidatos e dos
    mandatários.
    2 — Nos cinco dias subsequentes o juiz verifica a regularidade do processo, a autenticidade dos
    documentos que o integram e a elegibilidade dos candidatos.
    3 — De igual modo, no prazo referido no nº 2, podem as entidades proponentes, os candidatos e os
    mandatários impugnar a regularidade do processo ou a elegibilidade de qualquer candidato.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Dá uma trabalheira ler isso tudo.
      Além disso não se pode ignorar que estão extenuados com a interpretação que fazem da lei da acumulação dos mandatos.

      Hoje por exemplo um Juiz do Tribunal de Santa Maria da Feira decidiu que o candidato do PSD a uma União de Freguesias é inelegível com base no seguinte:

      "A ser a lista do PSD a mais votada nestas eleições à assembleia de freguesia, o referido cidadão [Fernando Leão] iria assumir sobre a área territorial da actual freguesia de Santa Maria da Feira - agregada na UF de Santa Maria da Feira, Travanca, Sanfins e Espargo - o desempenho das funções de presidente da junta de freguesia por mais de três quadriénios consecutivos"

      Ora, pelo menos para este juiz, é óbvio o âmbito territorial da lei. Ou seja, cada autarquia é um órgão próprio e independente e, por conseguinte, a acumulação só existe em função de uma determinada área territorial.

      E, talvez não tenha sido por acaso, que o Jornal do BE ao dar a notícia tratou de omitir ests simples “opinião” do juiz.
      (http://www.esquerda.net/artigo/tribunal-declara-ineleg%C3%ADvel-candidato-do-psd-%C3%A0-uni%C3%A3o-de-freguesias-na-feira/28937)

      Eliminar
    2. Então o Baltazar Damas, em Évora, continuará para o 4 mandato dado que é o 2º da lista à União de Freg da Horta das Figueiras/Malagueira. Na prática é o nº 1 da Horta das Figueiras. Querem enganar quem ? É a mais absoluta falta de ética

      Eliminar
  15. Tudo isto é tão ridículo. E eu que cheguei a acreditar que o BE poderia trazer uma lufada de ar fresco à vida política neste país. Que ingénuo.

    ResponderEliminar
  16. O BE ao seu mais alto nível...o BE não pode impugnar nada em Beja porque não concorre a qualquer órgão autárquico no concelho de Beja...vocês acham que eles arriscavam a que Pulido Valente não fosse candidato?

    ResponderEliminar
  17. Força BE

    Abaixo o caciquismo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E se o povo gostar de caciques e quiser votar em caciques, o BE não deixa.

      Eliminar
  18. É uma pena o BE prestar-se a este tipo de encenação política. O que ganha com isto ? Nada e ainda se arrisca a perder votos das franjas do PCP e do PS devido à descredibilização que vai sofrer.

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.