quarta-feira, 31 de julho de 2013

Independentes em Beja: uma lista para vencer?


Movimento de Independentes "Por Beja com Todos" assegura assinaturas para concorrer à Câmara Municipal, Assembleia Municipal e a algumas Assembleias de Freguesia do concelho de Beja.

"QUANDO SE TRABALHA PODE NÃO SE CONSEGUIR O QUE SE PRETENDE, MAS QUANDO NÃO SE TRABALHA É QUE DIFICILMENTE SE CONSEGUE...
Depois de algumas dificuldades e incertezas, eis que conseguimos mais uma vitória sobre a discriminação e tentativa de exclusão da participação. 
Aos que aparecem na fotografia e a muitos outros que revelaram uma dedicação sem limites por Beja com todos, que investiram dezenas de horas, percorreram quilómetros, fizeram centenas de contactos, só podemos dizer uma palavra. OBRIGADO!" (aqui)

42 comentários:

  1. Para vencer? O Carlos Júlio perdeu a noção do ridículo.

    Não me tinha apercebido que tinha custado reunir as assinaturas. Não augura nada de bom.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que é que se passa com o fulano?
      O ódio consumiu-o?
      O anti comunismo subiu-lhe às meninges?

      Eliminar
    2. @09:27
      Quem não é comunista é anti-comunista? Quem não é comunista é um tipo cheio de ódio?
      Estes estereótipos são criados por quem se queixa deles.
      Ora vamos lá a fazer um esforço para sair do gueto!

      Eliminar
    3. Independentemente das ideologias há quem alimente certos ódios de estimação.
      E, neste blogue, o CJ não consegue esconder os seus ódiozinhos ao PCP/CDU.
      E, afirmo isto, porque é cada vez mais óbvia e descarada a “tolerância” com que escamoteia factos equivalentes aos denunciados ao PCP/CDU, desde que sejam praticados pelos amigos do PS.

      Eliminar
    4. E nem um exemplo para amostra?

      Eliminar
    5. Já agora, e sempre correndo o risco de me acusar também de ser anticomunista, arrisco-me a perguntar: como sabe que o post foi aqui colocado pelo CJ? Fui ao link e a noticia é do movimento de independentes de Beja, no facebook, e desconheço quem colocou o post, porque apenas está assinado pelo nome colectivo acincotons. Não haverá da sua parte um ódiozinho de estimação ao CJ, bebendo você do mesmo veneno de que o acusa?

      Eliminar
    6. @11:56
      Será porque tenho um dedo que adivinha?
      Ou será porque já estamos habituados a saber o que a casa gasta?

      Eliminar
    7. Ah bom. Fiquei esclarecida pela objectividade da sua resposta.

      Eliminar
    8. @ 11:56 Cara anónima, é muito simples. O Carlos Júlio é um manipulador, mas na verdade não se pode dizer que seja lá muito inteligente. Tem-no caracterizado ao longo dos anos uma verdadeira inabilidade para escolher títulos, que saem frequentemente muito cretinos. Este, que nem é dos piores, foi simplesmente mais uma amostra.

      Eliminar
    9. @13:08
      Títulos inteligentes só os do PCP. povo burro que depois de quase 40 anos de liberdade ainda não percebeu que a salvação do povo é o PCP, todos os outros são manipuladores e cretinos.

      Eliminar
    10. Decididamente há quem tenha perdido a noção do ridículo.
      Acusado de manipulação defende-se com “todos os outros” e os “Títulos inteligentes … do PCP”.
      Ora, que eu visse, não foram acusados “todos os outros”… nem vi ninguém a argumentar com a “inteligência” dos títulos do PCP.

      Depois admira-se de lhe ser imputado um ódio de estimação ao PCP...
      Na minha terra ainda se diz que quem não quer ser lobo não lhe veste a pele. E o visado veste a dita pele com muita frequência.

      (Declaração antes de vir a resposta em formato de cassete: não sou do PCP, nunca fui do PCP, nem tenho procuração para falar em nome do PCP.)

      Eliminar
    11. 13,08

      Grande grande é o PC e os seus correligionários - caluniam, deturpam, manipulam e sempre como cobardolas que são, sem darem a cara. São do tempo em que o Avante denunciava à PIDE, antes do 25 de Abril, o nome de antifascistas que tinham saído do partido e dizendo que tinham entrado em Portugal:
      "O Avante! , 349, de Dezembro de 1964, denúncia a presença em Portugal de João Pulido Valente e Manuel Claro, ex-militantes do PCP , agora pertencendo à FAP e ao CMLP. Esta denúncia era grave em situação de clandestinidade, dado que a PIDE ficava a saber que ambos estavam no interior de Portugal e não no estrangeiro. João Pulido Valente é preso pouco depois". http://estudossobrecomunismo2.wordpress.com/2003/08/08/denuncia-do-avante-de-joao-pulido-valente-e-manuel-claro-em-1964/
      50 anos depois, mesmo sem PIDE, os métodos e a prática são os mesmos. Mas com mais cobardia.

      Eliminar
    12. também aqui
      http://casacomum.net/cc/visualizador?pasta=04435.198#!3

      Eliminar
    13. Por favor, nada tenho a ver com esta conversa, mas pelos níveis a que chegou não serve a ninguém. E mesmo sem saber quem tem ou não razão parece-me tonto andar a acusar este ou aquele de manipulação, com nome ou tudo, quando se o faz anonimamente. É um pouco baixo, a meu ver, nomear sem dar o nome.

      de Beja

      Eliminar
    14. @15:01

      Já agora, e sempre correndo o risco de me acusar também de ser comunista, arrisco-me a perguntar: como sabe que os comentários aqui colocados são do "PC" ou dos "seus correligionários"?

      Confesso que fui ao link e desconheço quem colocou os comentários, porque apenas está assinado pelo nome "anónimo". Não haverá da sua parte um ódiozinho de estimação ao PCP, bebendo você do mesmo veneno de que os acusa?

      Eliminar
    15. 14:57

      Se fosses do PCP talvez fosses mais atinado.

      Eliminar
    16. Agora sim é que a conversa está profundíssima.

      Eliminar
    17. Augusto o IP é detectável.

      Eliminar
    18. Isto começa a parecer-se a cloaca máxima de Roma.
      Haja alguém que ponha ordem na casa, porra!

      Eliminar
    19. Comparada com este esgoto, a cloaca máxima era água pura e límpida.
      Sai mais um post sobre a blogonovela das sedes de campanha que é para a malta desanuviar.

      Eliminar
  2. NE - INDICADOR DE CONFIANÇA DOS CONSUMIDORES E DE CLIMA ECONÓMICO (JULHO)30.JUL.2013 1.Indicador de Confiança dos Consumidores
    Segundo dados do INE hoje divulgados, o indicador de confiança dos Consumidores voltou a aumentar em julho, prolongando o movimento ascendente observado desde janeiro, depois de atingir o mínimo da série em dezembro.

    • Em julho, verificou-se um aumento em todos os indicadores de confiança setoriais, Indústria Transformadora, Construção e Obras Públicas, Comércio e Serviços.

    • O aumento do indicador de confiança dos Consumidores observado nos últimos dois meses deveu-se ao contributo positivo de todas as componentes, sendo mais significativo no caso das expetativas sobre a evolução do desemprego.
    Análise setorial:
    • O indicador de confiança da Indústria Transformadora recuperou em julho, retomando o movimento ascendente iniciado em dezembro, em resultado do contributo positivo de todas as componentes, opiniões sobre a procura global, apreciações sobre a evolução dos stocks de produtos acabados e perspetivas de produção, mais expressivo no primeiro caso.

    • O indicador de confiança da Construção e Obras Públicas prolongou o perfil positivo observado desde agosto de 2012, devido à recuperação das opiniões sobre a carteira de encomendas, uma vez que as perspetivas de emprego registaram um ligeiro agravamento.
    •O indicador de confiança do Comércio manteve o perfil ascendente iniciado em novembro, refletindo no mês de referência o contributo positivo das opiniões sobre o volume de vendas e das perspetivas de atividade, enquanto as apreciações relativas ao nível de existências apresentaram um ligeiro contributo negativo.
    •O indicador de confiança dos Serviços tem vindo a aumentar desde dezembro, nos últimos dois meses em resultado da recuperação de todas as componentes, apreciações sobre a atividade da empresa e sobre a evolução da carteira de encomendas e perspetivas relativas à evolução da procura.
    2. Indicador de Clima Económico
    Também o indicador de clima económico voltou a recuperar este mês, após registar o valor mais baixo da série em dezembro.
    Para esta melhoria contribuem todos os indicadores sectoriais, da indústria à construção e obras públicas, comércio e serviços.
    No caso deste indicador, o índice está agora num valor mais alto do que estava há um ano.

    ResponderEliminar
  3. 4.30

    na noite de 29 de Setembro conversaremos...

    ResponderEliminar
  4. Conversaremos... Sobre estes em Beja e sobre o BE em Évora.
    Está tudo maluco ou andam a fumar substâncias ilícitas (ou as duas)

    ResponderEliminar
  5. Os camaradas do Pc andam em transe, a ver os tachos a fugirem-lhes.Se não recuperam agora Beja e Évora foi um ar que lhes deu - os independentes (Estremoz, Redondo, Sines, agora Beja, todas listas lideradas por ex-camaradas)estão a acossá-los e a pô-los fora de si.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aqui combate-se pela vitória da extrema direita.
      Continuemos pois a cair na ruína e no fascismo.
      Há muita altura antes de bater no fundo.
      O fundo afunda-se, à medida da estupidez vigente.
      De facto, se a inteligência tem limite. a estupidez é infinita.

      Eliminar
    2. @10.19
      Como poesia está muito mal, como pensamento é uma confusão, deve ser um problema de sobreaquecimento cerebral,de facto hoje está um calor dos diabos!

      Eliminar
  6. Beja? É o último apeadeiro onde as diligências mudam de cavalos antes de entrarem no deserto?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Isso deve ser verdade para as diligências que vêm do Sul...

      Eliminar
    2. Aí, que a besta picou-se.

      Eliminar
  7. Agora sim é que a conversa está profundíssima...

    ResponderEliminar
  8. Tudo de férias e na brincadeira?...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Esta malta é danada para a brincadeira...

      Eliminar
  9. O Carlos Júlio nunca brinca em serviço. Depois de outros posts a aplaudir decisões sobre as providências cautelares da “Revolução Branca”, vamos ter post no Cinco Tons. Tenho a certeza.

    «Fernando Seara pode candidatar-se a Lisboa até nova decisão do tribunal

    Juízes suspenderam a proibição que o impedia de avançar para a Câmara de Lisboa.

    O Tribunal Constitucional suspendeu a proibição de Fernando Seara se candidatar à Câmara de Lisboa. Isto significa que até esta instância judicial se pronunciar sobre se o autarca pode ou não avançar para a corrida eleitoral, o candidato pelo PSD e CDS pode dar seguimento à sua candidatura.

    A notícia é avançada pela agência Lusa, que teve acesso a um acórdão do Tribunal Constitucional.»

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ufff! O Nosso Pinto de Sá assim está safo!

      Eliminar
    2. dassse!... O nosso Melgão está f.....!

      Eliminar
  10. E para além da intriga e da maledicência que caracteriza grande parte dos comentários, alguma vez serão abordados assuntos com REAL interesse para o futuro da cidade, tais como:

    - o prejuízo anual de 4,5 Milhões de euros suportado pela CME, por estar na Aguas do Centro Alentejo;

    - os aumentos de taxas e impostos municipais para suportar esse e outros prejuízos;

    - o previsível despedimento de funcionários municipais, para que a câmara possa suportar os encargos do PAEL;

    - a duplicação do número de técnicos superiores da CME nos últimos 12 anos, apesar de terem diminuído significativamente as quantidades de trabalho de certas áreas técnicas (obras e urbanismo);

    - a diminuição de dezenas de funcionários operacionais (sobretudo na higiene, limpeza e espaços verdes) com os resultados que se conhecem;

    - a incapacidade de recorrer ao próximo Quadro Comunitário de Apoio 2014-2020, por falta de capacidade financeira para pagar os 10% de comparticipação, tal como já aconteceu com a suspensão da parte municipal da Acrópole XXI.

    - etc., etc., etc.

    ResponderEliminar
  11. Não sou de cá, só vim ver a bola, mas já deu para perceber que em Évora concorrem às autárquicas os mesmos partidos que no resto do país, não existem, para pena de alguns, candidaturas independentes, e existe um Carlos Julio. Sempre gostava que me fosse apresentado, só para matar a curiosidade.

    ResponderEliminar
  12. CJ

    Os funcionários a 100%, a 10% ou part-time do PCP não te largam

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Quem não quer ser lobo não lhe veste a pele.

      (e convém não esquecer que os esbirros de Salazar também viam "funcionários comunistas" em todo o lado...)

      Eliminar
    2. Tu vê-se logo que antes do 25 de Abril deves ter sido dos que até tinham medo de levantar a mão e estava sempre disposto a qualquer servicinho ao fascismo. Antes do 25 de Abril eram o que se sabe. Depois deram a volta para passarem despercebidos. O PC ficou com as fichas de muitos pides para os poder melhor manobrar e pôr ao seu serviço. Deves ser desses.

      Eliminar
    3. @00:56
      Não deves saber ler.
      O que está escrito é: "os esbirros de Salazar também viam "funcionários comunistas" em todo o lado..."

      E essa observação refere-se a uma afirmação tonta (e obviamente não fundamentada) que tenta imputar os comentários a "funcionários a 100%, a 10% ou part-time do PCP"..

      Por alguma razão tentaste desviar o conteúdo para questões laterais. Provavelmente porque a tua mentalidade não se distingue assim tanto dos tais esbirros de falava o comentador das 21:42...

      Eliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.