segunda-feira, 8 de julho de 2013

Borba também com independentes


O presidente da Junta de Freguesia de Matriz, António Anselmo, é o candidato do Movimento Unidos por Borba (MUB) à presidência da Câmara de Borba, gerida pelo PS, nas eleições autárquicas de 29 de setembro, foi hoje revelado.
Fonte do MUB disse à agência Lusa que o empresário de 56 anos, atual presidente da Junta de Freguesia de Matriz, naquela cidade alentejana, eleito pelo PS, é o cabeça de lista do movimento independente à presidência da Câmara Municipal.
António Anselmo já foi presidente da Junta de Freguesia de São Bartolomeu, também pertencente à cidade de Borba, durante dois mandatos, eleito pelo PS, como independente.
O MUB vai concorrer a todos os órgãos autárquicos do concelho, tendo ainda divulgado que o cabeça de lista à Assembleia Municipal é o médico Luís Santos Bimbo.
O atual presidente do município, o socialista Ângelo de Sá, que está a cumprir o terceiro mandato e não pode recandidatar-se ao cargo, é o cabeça de lista do PS à Assembleia Municipal.
Para as próximas autárquicas, esta é a quarta candidatura anunciada à presidência do município.
O PSD avança com o técnico oficial de contas Benjamim Espiguinha, o PS com o presidente da Assembleia Municipal de Borba, Jerónimo Cavaco, e a CDU com o único vereador da oposição no município, Joaquim Serra.
O executivo municipal de Borba é constituído por quatro eleitos do PS e um da CDU. (LUSA)

6 comentários:

  1. O pessoal tem todo as pernas em arco, carregaram bem no tinto!

    ResponderEliminar
  2. O Seguro queria as eleições legislativas antecipadas a coincidir com as autárquicas. Chama-lhe burro... para não se discutirem autárquicas nenhumas e aproveitar a onda favorável ao PS nas legislativas nos próprios resultados autárquicos.
    O Semedo, esse então, queria eleições a 15 de Setembro. Também se compreende, imediatamente depois das autárquicas, com o desaparecimento do BE do mapa autárquico, com a própria eleição do Semedo insegura na capital, não convinha nada.
    Tudo politiquices. Tudo a fazer o seu calculozinho eleitoral.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O BE não só não vai desaparecer do mapa autárquico, como se vai reforçar, e o Semedo cá por Lisboa está bem e recomenda-se.

      O PSD e o CDS é que coitados , pelo andar da carruagem nem os dois juntos se salvam.....

      Eliminar
    2. O BE não só não vai desaparecer do mapa autárquico, como se vai reforçar, e o Semedo cá por Lisboa está bem e recomenda-se.

      O PSD e o CDS é que coitados , pelo andar da carruagem nem os dois juntos se salvam.....

      Eliminar
  3. Já tu não calculas nada. Acéfalo.

    ResponderEliminar
  4. O Augusto além de gago é lunático.

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.