quarta-feira, 26 de junho de 2013

Beja: coincidências? Em dia de apresentação de candidatos do PS, Câmara divulga novo vídeo promocional (e novo site *)



DE BEJA, para o mundo, apresentamos o novo vídeo promocional do concelho. O vídeo apresenta Beja, cidade e concelho, sob o olhar de uma jovem turista que se apaixona pela nossa cidade, pelas paisagens, pelo património, pela gastronomia e pela vida vivida que podemos oferecer a quem fica por cá. O pulsar da cidade é-nos apresentado por uma "Mariana do século XXI" que transforma a experiência da sua visita em poema e nos relembra Mariana Alcoforado com "promete-me que terás saudades minhas". Um pedido de Beja a quem nos visita, que convida a voltar a esta cidade com mais de 2000 anos de história e mil e uma estórias para contar. O vídeo foi produzido pela Magik Studios, uma empresa criada por dois jovens criativos de Beja. (Nota de Imprensa)

* aqui: http://www.cm-beja.pt/homepage.do2

7 comentários:

  1. O maior restaurante instalado no Rossio já deixou a feira.

    Consta que não chegou a abrir.

    ResponderEliminar
  2. Sexta-feira ainda abriu,mas já se pisgou.

    ResponderEliminar
  3. Não acredito em coincidencias...
    mas que há...
    há.

    ResponderEliminar
  4. As meias notícias:

    Disseram que o vice-Presidente da Câmara de Portimão foi interrogado pela PJ...

    Em vários noticiários e em dias seguidos falou-se do caso, mas nunca houve referência ao partido que tem a maioria na Câmara de Portimão, nem ninguém pediu um comentário a José Seguro! Fantástico.

    Se fosse da CDU até o CJ tinha feito post e dito logo que vice-Presidente era da CDU e do PCP , já teriam pedido comentários ao Jerónimo de Sousa e a tuti quanti, já tinham desencadeado uma campanha no quadro dos preconceitos anticomunistas.

    Assim , tudo fica pelo vice-Presidente, sem côr, sem alma, sem partido.

    Quantos portugueses sabem a que partido pertence a Câmara de Portimão? Quantos sabem em que lista de partido o dito vice presidente foi eleito?

    Nada é dito. Tudo incolor e leve como o champanhe! (sem borbulhas)...

    É mais um político corrupto…dirão… São todos iguais…

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então mas para que serve o centralismo por mais "democrático" que seja? Claro que se houver um caso no PCP o responsável máximo é o Jerónimo e o resto do Bando dos Três (Jerónimo, Lopes e Cordeiro). O centralismo é isso. Responde o que estiver no topo da bananeira. No resto é tudo mais vago. Há quem não mande tanto. Não mama em doce, mas também não tem as agruras dos casos bicudos. Quem os come em verde, também os caga na mudança da cor. Às vezes com muita borbulha. Deve ser um horror. E vice-versa.Mas, claro, gostava de ter ouvido o Seguro falar dos seus apaniguados de Portimão. Só que o mando do Seguro é bem menos "seguro" do que o mando que o jerónimo exerce nos do seu grupo. Ali fia-se fino,não é MB?

      Eliminar
    2. Não sabia que a subserviência e o capachismo de grande parte dos jornalistas em Portugal se deve ao "centralismo".
      Tudo serve de desculpa, para quando as colunas são maleáveis...

      Eliminar
  5. Deves estar a falar de gente da tua laia, ó inútil.E mais maleável do que a tua devem existir poucas "colunas". Tem dado para tudo.

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.