sábado, 18 de maio de 2013

Este domingo na "é neste país": Contar Abril



às 17:30


Contar Abril com…

António Gervásio

António Gervásio preso político no período da ditadura, traz-nos o seu relato dos tempos de Abril e teremos petisco pela tarde fora…


14 comentários:

  1. Ironias

    Gervasio, um preso politico no fascismo.
    Sakarov (como tantas dezenas de milhar em qualquer regime comunista) preso politico do comunismo.

    Se há coisa que estes gajos (fascistas e comunistas) não pregam é a liberdade.

    ResponderEliminar
  2. Nunca poderei levar um comunista do PCP a sério quando fala de liberdade

    ResponderEliminar
  3. @17:50 @17:51
    Já dizia o velho Herodes:
    «um cretino nasce cretino e nunca deixará de ser cretino...»

    ResponderEliminar
  4. A "é neste país" desafiou algumas PESSOAS a contar de que forma a ditadura e o seu posicionamento face à mesma marcaram a sua vida, a dizer-nos como viveram o 25 de Abril e de que forma esse acontecimento alterou a SUA e a NOSSA vida.
    Se o comentador das 17:50, ou outros, têm uma dessas histórias que fazem a História de todos nós no sentido da liberdade e da defesa dos direitos humanos estão convidados a propôr-se partilhá-las no espaço "Contar Abril"
    Gertrudes

    ResponderEliminar
  5. Gertrudes

    Um debate sobre a liberdade com comunistas, é uma coisa inclinada logo á partida.

    ResponderEliminar
  6. @22:44
    E continuas com as cretinices, como se fossem verdades insofismáveis.

    ResponderEliminar
  7. Uma bela iniciativa e um belo convidado. Vou fazer tudo para não faltar.

    ResponderEliminar
  8. Debate inclinado? hum...

    ResponderEliminar
  9. PCP= fascismo ao contrário

    ResponderEliminar
  10. 21:53
    Cretino = inteligente ao contrário

    ResponderEliminar
  11. Se os fascistas são ostracizados pela Sociedade é legitimo ostracizarem-se os comunistas. É a democracia a funcionar

    ResponderEliminar
  12. 10:58

    Por favor, diz alguma coisa que tenha jeito. Não baixes o nível.

    ResponderEliminar
  13. @10:58
    Vozes de cretino não chegam oa céu!

    ResponderEliminar
  14. António Gomes21 maio, 2013 09:56

    E as de burro também.
    Que cultura e formação te deram os teus pais?

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.