domingo, 28 de abril de 2013

De que foge Assunção Cristas?

Assunção Cristas anda a fingir há quase dois anos que é ministra da agricultura. Tem a escola parlamentar e académica e nunca percebeu a diferença entre uma seara de trigo e outra de cevada. Fala, fala, fala e se fosse uva pouco sumo dava.
Quarta-feira passada tinha cerimónia marcada para a inauguração da Ovibeja. Durante toda a manhã a segurança, reforçadissima, por ali andou a seguir os passos que a ministra havia de percorrer. À última da hora Cristas avisou que estava indisposta, alegou a gravidez, e disse que não viria. Mandou como substituto um secretário de estado que nem sabia onde estava: na cerimónia oficial, depois de ter "levado" com o "Grândola" à porta, dirigiu-se ao Bispo de Beja chamando-lhe Bispo de Braga e depois lá papagueou que não tinha sido desconsideração,  uma vez que o clérigo de Braga até era arcebispo e que com o seu "lapso" estaria a valorizar o cargo do Bispo de Beja....blá, blá, blá, disse meia dúzia de outras asneiras e abalou.
Hoje (e é notícia de última hora), no último dia de Ovibeja, Assunção Cristas avisou que vai visitar esta manhã a Feira do Alentejo, em família, e de forma particular. Ou seja: a ministra que não esteve na sessão inaugural, por indisposição, avisa que vai estar no último dia da Ovibeja (que é uma feira de agricultura, que é o seu ramo) em visita privada e familiar, sem jornalistas e, se possível, sem agricultores à volta...
Ou eu estou louco ou esta classe política "pirou" de vez. Uma ministra que veste a "farpela" governamental de cada vez que lhe dá no goto (umas vezes indisposta, outras em plena forma, outras ainda - quem sabe? - em representação do seu chefe Portas, antigo combatente em tudo o que era feira e arraial, mas que agora foge do "povo" como quem foge de vinha vindimada) e, noutras, se "balda" às responsabilidades e pensa que pode passar por entre as pingas de chuva da realidade, só pode ser uma anedota. 
Assunção Cristas - a que diz ser ministra -  ou não vinha à Ovibeja ou vinha aqui, ao Alentejo, como uma mulher de corpo inteiro. Não lhe fica bem escudar-se nesta mentira da "visita particular, em família". De que foge Assunção Cristas?

3 comentários:

  1. E alguem acredita que aquela palerma é, de facto, Ministra da Agricultura?
    Felizmente, o trigo continua a crescer para cima e a chuva continua a cair para baixo. E ambos se estão nas tintas para a imbecil que se diz Ministra.
    Como todos deveremos estar: nas tintas pra toda essa escumalha.

    Carvalho

    ResponderEliminar
  2. O que a Ministra da Agricultura sabe todos sabemos. Há cada vez mais Grândolas, em cada esquina, em todos os palcos. Ela, como os outros membros do governo querem contornar as vozes, as emoções, as pessoas... Nem que para isso tenham de fazer as "figurinhas" que forem.

    ResponderEliminar
  3. ...daqui a uns dias mete baixa e abandona o barco , quando voltar sabe-se lá se ainda é Ministra ; se quer engravidar pode dar já o lugar a quem não está grávido !

    Jorge

    ( ciclista )

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.