sexta-feira, 1 de março de 2013

Nos bastidores da preparação da manifestação do 2M em Évora





Não acham que estão lindas as faixas?

Foi uma noite de trabalho a pintar faixas para a manifestação de amanhã, 2 de Março em Évora. Nos bastidores, para além da tinta e dos panos, houve boa disposição. Esta sexta feira às 22 horas vamos estar na "Oficina" para distribuir folhetos apelando à participação nos vários espaços nocturnos da cidade. Esperamos por ti. Esperamos também por todos no sábado entre as 8/8,30H no Mercado do Bacelo e entre as 9/9,30 H no Mercado 1º de Maio para acções de distribuição de folhetos. Se formos em número razoável cantaremos o "Grândola", goste Soares dos Santos ou não goste.


12 comentários:

  1. o Povo é quem mais ordenha, ou do Povo vem quem mais ordenha?

    ResponderEliminar
  2. a piada seria: "O Povo é quem mais ordena ou do Povo vem quem mais ordenha?"

    ResponderEliminar
  3. Estes gajos pelam-se para uma noitada destas, embora a vontade de continuar diária e insistentemente a sua luta esbarre com a realidade, que é: o Povo está-se cagando para continuar a festa desta esquerda, sem capacidade sequer, para inventar um Grillo qualquer como em Itália. Contudo, se conseguiram pelo menos juntarem-se para criar uns cartazes, já não está mau não senhor.

    Admirado ficaria se do acto criativo da noite anterior, surgisse alguma coisa de útil e palpável que garantisse o bife no prato do Povo, carrinho à porta com depósito cheio, 13º e 14º mês, férias garantidas, casa paga, saúde e escola gratuitas e o mais importante de tudo, oferta de trabalho. Ahh, e contas públicas saneadas e compromissos internacionais cumpridos.
    Pena que desta esquerda da “fiesta” só saem balões cheios de coisa nenhuma.

    ResponderEliminar
  4. Lá tinha de vir o anónimo anormal!

    ResponderEliminar
  5. @09:30
    O que tu querias sei eu, mas não estou disposto a dar-to.
    Por isso amanhã lá estarei na RUA ao lado de muitos milhares de pessoas que se sentem oprimidas por estas políticas de rapina a que o Governo obedece como câo fiel de interesses estrangeiros.
    Políticas de rapina que apenas visam tirar aos mais desprotegidos para enfiar no cu da banca nacional e internacional.

    Está na altura de colocar o Estado aos serviço das pessoas e não dos banqueiros e grandes empresas!
    Está na alturas de correr com os Migueis de Vasconcelos, ao serviço da banca!

    ResponderEliminar
  6. A Associação Nacional de Sargentos (ANS), a Associação de Oficiais das Forças Armadas (AOFA) e a Associação de Praças (AP) estão a dar indicações aos seus associados para participarem na manifestação deste sábado, inicialmente convocada pelo movimento Que se Lixe a Troika.

    O presidente da ANS, Lima Coelho, disse ao PÚBLICO que “não enquanto ANS, mas enquanto cidadãos”, estão a informar os seus camaradas que lá estarão, apelando assim a todos os sargentos que participem na manifestação. “Nós somos membros da sociedade e encorajamos a participação [dos militares] ao lado das suas famílias”, acrescentou Lima Coelho.

    ResponderEliminar
  7. Seguro afirmou não se recandidatar pelo PS autarcas com TRÊS MANDATOS.

    Pergunto:vão apoiar Pulido Valente em Beja?

    ResponderEliminar
  8. e mais...se houvesse eleições hoje, os partidos da troika ganhavam com 80% da votação.

    Pois é, a democracia ainda não funciona como o partido comunista, a extrema esquerda ou os anarco sindicalistas gostariam

    ResponderEliminar
  9. @12:02
    E 80% da votação corresponde a que percentagem de eleitores? Talvez uns 30%, não é?

    Ou seja, com 80% da votação ficam de fora quase 70% dos eleitores portugueses!

    Por isso, é que esta DEMOCRACIA está à beira da insolvência. As pessoas não se sentem representadas por esta cáfila (de maçons e opus dei) que tomou conta dos poderes (económico, político e comunicação social).

    ResponderEliminar
  10. @14:02

    Coitadinhos dos eleitores que não vão votar.
    Tenho tanta pena deles e da democracia que resulta do seu alheamento...

    ResponderEliminar
  11. @15:04
    Se fosses realmente democrata e acreditasses nas virtudes da participação, então preocupar-te-ias.
    É que este desinteresse e alheamento pode corresponder a sintoma de doença grave na nossa democracia.

    ResponderEliminar
  12. Este governo consegue o pleno de ter CCP Contra
    CIP Contra
    CAP contra
    CGTP contra
    UGT contra
    Representantes de todas as associações da forças armadas contra

    As associações socio-profissionais da GNR e PSP, só´o não fazem o mesmo, porque seria o caos, deixavam de ter autoridade moral para defender a "liberdade" do desgoverno.
    Todavia não é preciso ser bruxo para saber que essas associações também não morrem de amores pelo desgoverno.
    O País esta a morrer a economia está exauridade, mudem de politica merda.
    Assim só incendeiam o PAÍS, cambada de tótós incompetentes, vão-se embora emigrem ninguém os quer sumam-se

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.