segunda-feira, 19 de abril de 2010

Somicor: 7 dias de greve total

Reunidos em plenário os trabalhadores da Somincor, em Castro Verde, dizem que a administração da empresa está de má-fé e convocaram uma greve, agora total, entre os dias 5 e 11 de Maio. Será que voltam as grandes greves de há uns anos atrás quando abriam os noticiários das televisões e das rádios?

3 comentários:

  1. Nos últimos 15 posts apenas 14 comentários entraram. Qual a explicação para esse facto ?

    ResponderEliminar
  2. Olá
    Manifestaste na última carta, a tua perplexão com a falta de reacção de Cavaco Silva, à provocação acintosa do Presidente da República Checa na conferência de imprensa conjunta.
    Pois eu acho que Cavaco fez muito bem em não ter reagido, seria descabido fazê-lo, já que seria admitir que as críticas, embora pouco corteses, teriam um fundo de verdade, o que é falso.
    Nunca desde a fundação da nacionalidade, nem mesmo na época dos descobrimentos, o país foi tão bem gerido.
    Senão vejamos: Vivemos numa democracia consolidada em que todos são iguais perante a lei. Quando por acaso a justiça falha, o Parlamento constitui uma Comissão de Ética, repara bem, que ouve não só os intervenientes no processo em causa, mas todos aqueles que por qualquer motivo entendam que têm alguma coisa a dizer, e se por acaso antes de prestarem o seu depoimento, os inquiridos quiserem distribuir uns brindes, tipo camisetas com alguma mensagem, isso é-lhes permitido sem rebuços. Queres maior exemplo de abertura democrática? Poderás dizer que isso desvirtua o objectivo da comissão, mas tal não é verdade, já que se não tiveres tempo para responder presencialmente, poderás fazê-lo por escrito e assim sublinhar o que entendes ser mais importante no deslindar da verdade.
    Nenhuma democracia no mundo revela tamanha elevação de espírito e confiança nos cidadãos.
    Outro mito refere-se às desigualdades sociais, tudo mentira! Quem trabalha vê retribuído o seu esforço e posso citar de cor alguns nomes que devido à sua abnegação e produtividade, são mesmo os mais bem pagos do mundo na sua área. Que culpa temos nós da inveja que suscitamos ao resto do planeta?
    Posso também garantir-te que finalmente conseguimos ultrapassar os traumas do 25 de Abril, e vamos por fim privatizar os CTT, a REN, as Águas e, o melhor de tudo, a cereja no topo do bolo, a Caixa Geral de Depósitos.
    A nossa relação com Espanha também melhorou e neste momento as pessoas da raia já recorrem regularmente aos centros de saúde Espanhóis, o que é bom, porque assim podemos focar os nossos esforços no litoral, que bem precisa.
    Vamos até, imagina tu, construir um novo aeroporto em Lisboa e uma linha ferroviária de alta velocidade, completamente revolucionária, já que terá paragem em todas as estações e apeadeiros.
    Como vês o País não poderia ir melhor.
    Quanto a Évora, está tudo bem, é património mundial como sabes, e portanto convém não mexer muito, para não bulir com a História. Mas temos uma intensa actividade cultural, bastante inovadora por sinal. Agora estamos a testar o conceito de mobilidade museológica. Fechamos um museu e no mesmo espaço abrimos outro, quando as pessoas se fartarem, inventamos outro, e por aí fora. Quanto ao resto está tudo bem, toda a gente tem carro, até vamos acabar com essa ronceirice dos comboios para Lisboa, para dar utilidade à auto-estrada, bem se vê, pelo menos foi o que eu ouvi dizer. Sabes que nós por cá acreditamos tanto na capacidade deste executivo camarário, que nem nos preocupamos em averiguar o que se passa; não fosse o seu esforço em divulgar as medidas que vão tomando e nós andávamos completamente alheados de tudo.
    Ah!, já me esquecia, este ano a festa de Natal dos putos vai ser no Salão Central e a corrida de S. Silvestre vai ser no novo Complexo Desportivo.
    Um abraço e até à próxima.

    Crónica Diana fm

    ResponderEliminar
  3. 2:22

    Não estará tudo de fim de semana? O pessoal é mais activo nos dias de semana - nos locais de trabalho, sobretudo. Mas acontece em todos os blogs: os fins de semana é para descansar. Segunda volta-se ao trabalho.

    ResponderEliminar

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.